Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Joel Santana acha que Cruzeiro respeitou o São Paulo demais

Treinador vinha de três vitórias seguidas e conheceu o primeiro resultado negativo no Morumbi

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O técnico Joel Santana não estava de todo insatisfeito com a atuação do Cruzeiro no Morumbi. Para o treinador, o time respeitou demais o São Paulo no primeiro tempo e teve que correr atrás do prejuízo depois de falhas na marcação. Joel gostou da postura do time no segundo tempo, quando agrediu mais o time paulista, apesar da derrota por 2 a 1.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

“Claro que não estou satisfeito, mas tivemos um bom comportamento no segundo tempo. No primeiro, respeitamos muito o adversário”, avaliou o treinador do Cruzeiro.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

O treinador gostou da postura do time no segundo tempo. “Respeitamos muito o adversário. No segundo tempo agredimos mais, chegamos ao ataque. Time que quer vencer tem que se expor. Time grande é assim. Eles não se expuseram pelo momento que passavam. O segundo gol deu tranqüilidade para eles”, analisou Joel.

Joel Santana não gostou nada da atuação do juiz da partida e reclamou dos cartões amarelos distribuídos. “O jogo quebrou muito. A arbitragem aceitou muito a quebra. Aí vai reiniciar e eles já esperam lá atrás. O Montillo foi agredido em uma jogada, mas o nosso amigo não fez nada. Não posso falar nada. Ele (juiz) encheu nosso time de amarelo. Os jogadores do São Paulo tentaram iludir a arbitragem em três jogadas de pênalti. Se eu falar vou receber críticas. São Paulo ganhou pois teve méritos para isso”, concluiu Joel Santana.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011Joel Santana

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG