Mesmo tendo treinado lances de bola parada, Flamengo sofreu na derrota de 3 a 2 para o Olimpia

O Flamengo esperava dificuldades na bola parada contra o Olimpia. E realmente encontrou. Mesmo alertados pela comissão técnica, os jogadores do time carioca não conseguiram evitar este tipo de jogada na derrota de 3 a 2, na noite desta quarta-feira. No primeiro gol do time da casa, Orteman se antecipou a Luis Antônio e completou de primeira, livre. O técnico Joel Santana lamentou.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O adversário vai bem nesse tipo de lance, já tinha sido avisado. Tem dois zagueiros altos e um centroavante que sabe se posicionar. E o jogador que bate, bate muito bem. Sabíamos, enfatizei que era uma jogada perigosa, não só escanteio, mas faltas de lado também. Eles sabem usar esse tipo de jogada. Mas falhamos e tomamos o gol", disse o técnico do Flamengo.

Leia mais: Flamengo perde para o Olimpia e se complica na Libertadores

Joel também lamentou o segundo gol dos paraguaios, logo após o time carioca ter empatado. Justamente quando Deivid havia acabado de entrar em campo, tentando deixar o time mais ofensivo.

Veja mais: Maioria dos grandes clubes do Brasil financia organizadas

"Buscamos o empate e parecia que a coisa ia melhorar, mas não deixaram nem esquentar, levamos o terceiro no momento em que estava tentando uma mudança tática", lamentou o treinador, que também elogiou o adversário, que marcou seis gols nos dois confrontos entre as equipes.

"O Olimpia é um time muito bem organizado, sabe o que quer em campo. Sabe usar seus jogadores de armação. Uma equipe que já tem uma maneira de jogar, está encaixada. Soube neutralizar bem nosso poder de ataque e saiu com o resultado positivo", analisou Joel.

Ajude o time do Flamengo a subir no ranking da Torcida Virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.