Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

João Vítor rouba a cena e garante vitória do Palmeiras contra o Paulista

O camisa 16 entrou na vaga do estreante Wesley e fez o gol da vitória aos 42 minutos do segundo tempo

iG São Paulo |

Com gol de João Vítor aos 42 minutos do segundo tempo, o Palmeiras derrotou o Paulista por 1 a 0, nesta quarta-feira, em Jundiaí. A partida marcou a estreia do meia Wesley na equipe do Palestra Itália. Sem ritmo de jogo, o camisa 83 criou pouco e foi sacado aos 16 minutos do segundo tempo para a entrada do autor do gol da vitória.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Com o resultado, além de superar a derrota no clássico contra o Corinthians, o Palmeiras ganhou uma posição e assumiu a vice-liderança do Campeonato Paulista. Agora, no próximo sábado, o time de Luiz Felipe Scolari recebe o Mirassol no estádio do Pacaembu.

O jogo:

Mesmo atuando fora de casa, o Palmeiras começou a partida no ataque e criou o primeiro lance de perigo aos oito minutos. O jovem atacante Vinícius fez boa jogada pela direita, invadiu a área e chutou forte para defesa em dois tempos do goleiro Vagner.

Depois do susto, o time da casa respondeu aos 12 minutos com Reinaldo. O lateral-esquerdo passou por Cicinho e arriscou de fora da área. A bola foi no cantinho e Deola conseguiu espalmar para escanteio.

Após um começo de jogo sem tocar muito na bola, o estreante Wesley teve boa chance para marcar aos 19 minutos. Valdivia deixou o camisa 87 livre na grande área, mas ele chutou fraco no meio do gol.

Com ambas as equipes sem criação no meio-campo, o primeiro tempo do jogo terminou sem nenhuma outra jogada de perigo no ataque.

Na saída para o vestiário, o volante Marcos Assunção explicou porque não cobrou uma falta na entrada da área aos 36 minutos – o chileno Valdivia chutou e acertou a barreira.

“O Felipão disse que, quando tivesse alguma falta mais perto, o Valdivia poderia bater. São ordens que vêm do vestiário", explicou.

Insatisfeito com o desempenho do time, o técnico Luiz Felipe Scolari promoveu uma mudança antes do início do segundo tempo. O atacante Vinícius saiu para a entrada de Daniel Carvalho.

A substituição na equipe do Palestre Itália quase deu resultado aos cinco minutos da etapa final. Danierl Carvalho partiu em jogada individual, driblou Formigioni e soltou a bomba de fora da área para difícil defesa de Vagner.

Melhor em campo, o time visitante voltou a ameaçar aos 13 minutos. Daniel Carvalho cobrou escanteio na área, Barcos ajeitou de cabeça e Valdivia, a um metro do gol, testou para fora.

Aos 24, em outro bom ataque do Palmeiras, Márcio Araújo arrancou e passou para Barcos. O atacante deu dois belos cortes em Diego e bateu cruzado. Bem colocado, o goleiro Vagner afastou o perigo.

No fim do jogo, aos 42 minutos, João Vítor recebeu lançamento de Marcos Assunção, dominou a bola fora da área, passou pela marcação e bateu com classe no cantinho esquerdo: 1 a 0.

FICHA TÉCNICA
PAULISTA 0 X 1 PALMEIRAS

Local: Estádio Jaime Cintra, em Jundiaí (SP)
Data: 28 de março de 2012, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Demetrius Pinto Candançan
Assistentes: João Bourgalber e Matheus Camolesi
Público: 4.219
Renda: R$ 154.100,00
Cartões amarelos: Juninho, Maurício Ramos, Daniel Carvalho (Palmeiras). Diogo, Madson (Paulista)
GOL: João Vitor, aos 42 minutos do segundo tempo

PAULISTA: Vagner; Samuel Xavier, Diogo, Diego Ivo e Reinaldo; Madson, Bruno Formigoni, Wellington e Fabrizzyo (Barboza); Renan Marques (Carlão) e Rychely
Técnico: Luiz Carlos Martins

PALMEIRAS: Deola; Cicinho, Román, Maurício Ramos e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Wesley (João Vitor) e Valdivia (Ricardo Bueno); Vinícius (Daniel Carvalho) e Barcos
Técnico: Luiz Felipe Scolari
 

Leia tudo sobre: PalmeirasPaulistaJoão VitorPaulistão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG