Ex-narrador, criador do bordão 'tá lá um corpo estendido no chão', visitou o clube nesta terça-feira

O treino do Fluminense na tarde desta terça-feira, nas Laranjeiras, contou com uma visita ilustre. O ex-narrador Januário de Oliveira, famoso pelo bordão 'tá lá um corpo estendido no chão', e criador do apelido 'Super Ézio', dado ao ex-atacante do tricolor, falecido no ano passado, visitou o clube do qual é torcedor assumido. Após reencontrar velhos amigos, o locutor foi presenteado como uma camisa do goleiro reserva Ricardo Berna .

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Emocionado, o torcedor do Fluminense disse que dará sorte ao clube na temporada e espera voltar antes da final da Copa Libertadores . "Fico feliz e emocionado, já recebi homenagens, mas como essa nunca, é especial. Espero voltar aqui antes da final da Libertadores. Em 2008 eu não vim. Faltou o pé-quente daquela vez", brincou o ex-narrador de 71 anos, que tem problemas de visão devido à diabetes.

Januário de Oliveira recebe camisa das mãos do goleiro Ricardo Berna
Photocamera
Januário de Oliveira recebe camisa das mãos do goleiro Ricardo Berna

"Esse aqui é um ícone, é tricolor como a gente. É uma honra recebê-lo no Fluminense, vai dar sorte para todos nós", disse Ricardo Berna, antes de posar para fotos ao lado do fanático torcedor do Fluminense. Aposentado, atualmente Januário mora em Goiânia, mas garante que acompanha os jogos do tricolor sempre que pode, pela televisão.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.