Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Internautas elegem seis do Barcelona para time ideal da Uefa

Piqué, Puyol, Xavi, Iniesta e Villa, campeões do mundo com a Espanha, e Messi, eleito melhor jogador do planeta, foram votados

AE |

A Uefa (sigla em inglês para União das Federações Europeias de Futebol) relevou nesta sexta-feira sua seleção ideal de 2010, eleita por internautas que acessam sua página oficial. A equipe conta com seis jogadores do Barcelona: Piqué, Puyol, Xavi, Iniesta e Villa, que foram campeões do mundo pela seleção espanhola no ano passado, além do argentino Messi, eleito pela Fifa o melhor jogador do planeta pela segunda temporada consecutiva. 

A entidade que rege o futebol europeu revelou que 410 mil internautas participaram do pleito, que ainda elegeu o português Jose Mourinho como melhor técnico, depois de ele ter conquistado o título da Liga dos Campeões sob o comando da Inter de Milão, antes de se transferir para o Real Madrid. Ele foi eleito o treinador do ano pela quarta vez. Já Puyol acabou escolhido capitão da equipe e figura na seleção ideal pelo sexto ano consecutivo. 

Getty Images
Na foto, Puyol, Xavi, Villa e Iniesta estão agachados, alinhados da direita para a esquerda. Piqué é o da cabeça enfaixada, enquanto Messi é o que está mais à esquerda

Atrás do Barcelona na eleição, a Inter de Milão e o Real Madrid contaram com dois jogadores cada um na seleção. O lateral direito brasileiro Maicon e o meia holandês Sneijder representam a equipe italiana, enquanto a espanhola conta com o goleiro Casillas e o atacante Cristiano Ronaldo, esse eleito para o time ideal pelo quarto ano seguido. O lateral esquerdo Ashley Cole, do Chelsea, completa o grupo de 11 jogadores. 

Com isso, a seleção ideal da Uefa jogaria com um esquema muito ofensivo e poderia ser escalada da seguinte forma: Casillas; Maicon, Piqué, Puyol e Ashley Cole; Xavi, Iniesta e Sneijder; Cristiano Ronaldo, Messi e David Villa. 

Por ter sido eleito o capitão do time da Uefa, Puyol receberá um cheque de 100 mil euros (R$ 225,5 mil), que será destinado para fins beneficentes ao Comitê Internacional da Cruz Vermelha.

Leia tudo sobre: barcelonafutebol mundialespanhamessiiniestaxavi

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG