Treinador do Shanghai Shenhua, Wu Jingui, não está satisfeito com a forma física do atacante argentino

Tevez vive dias difíceis na China e foi afastado por estar acima do peso, segundo o treinador
Twitter/Reprodução
Tevez vive dias difíceis na China e foi afastado por estar acima do peso, segundo o treinador

A fase do atacante argentino Tevez , definitivamente, não é das melhores na China. Contratado pelo Shanghai Shenhua em dezembro de 2016 com status de grande astro do futebol mundial, o jogador vive um momento conturbado por lá, sendo que foi afastado recentemente pelo técnico Wu Jingui.

Leia também: Barcelona publica foto de Messi e revela tatuagem ousada do jogador; confira

O comandante assumiu publicamente o seu descontentamento com Tevez e afirmou que o atleta de 33 anos não está em condições físicas para jogar. No último jogo da equipe, na derrota por 2 a 1 em casa diante do Henan Jianye, ele começou no banco de reservas, entrou no segundo tempo e pouco ajudou em campo.

"Ele não está pronto para jogar. Não está em forma, está com peso a mais. Não pode jogar porque está gordo. Já treinei grandes craques e nunca os coloquei para jogar pela sua reputação. Vou informá-lo dos meus planos táticos, mas por agora não posso contar ele", avaliou Jingui em declarações à imprensa chinesa.

Leia também: Neymar já ameaça Messi e Cristiano Ronaldo pela Bola de Ouro: "Quero isso sim"

Vale lembrar que Carlitos é o jogador mais bem pago do mundo, com salário de 630 mil euros por semana, o equivalente a R$ 2,3 milhões semanais. Desde quando chegou ao futebol chinês, o atacante anotou apenas dois gols.

De volta ao Boca?

A aventura do jogador na China pode estar com os dias contados. Apesar dos poucos meses desde sua contratação, parece que o craque argentino não vai permanecer no Shanghai Shenhua - ele fechou contrato com o clube chinês por duas temporadas e, no contrato, uma cláusula que permite a rescisão antes de novembro de 2017, em duas situações: caso Tevez se aposente ou retorne ao Boca Juniors.

Leia também: Jogadores de ex-time de Ronaldinho trocam socos dentro de campo; assista

De acordo com o jornal argentino "Olé", o jogador está infeliz no Shanghai Shenhua. Carlitos Tevez não teria se adaptado à comida nem ao estilo de vida chinês e, apesar de possuir o maior salário do mundo, receber R$ 330 mil por dia parece não ser suficiente para ele.



    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.