Time se prepara para jogar na grama sintética do Juan Aurich, no Peru, pela Libertadores

Juan Aurich, próximo adversário do Inter, manda seus jogos em gramado sintético
Divulgação/Juanaurich.net
Juan Aurich, próximo adversário do Inter, manda seus jogos em gramado sintético
Pode parecer estranho, mas o Inter está em busca de um campo ruim para treinar. O clube gaúcho quer sair do Beira-Rio para se preparar para a partida contra o Juan Aurich, dia 19, pela Libertadores.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Os peruanos mandam os jogos no estádio Elías Aguirre em um antigo gramado sintético. Liso, quase um carpete. Diferente por exempl, do que é usado no estádio do São José, em Porto Alegre. Com grama mais nova, fofa e com aquelas borrachinhas para amortecer a bola.

Por isso, o clube gaúcho busca um gramado ruim. O clube procura um local para comandar alguns treinos da próxima semana. O técnico Dorival Júnior chegou a brincar e pedir indicação aos repórteres, caso conhecessem algum local com grama artificial e em condições não tão boas. 

Veja também: Inter ainda não teve time ideal na Libertadores

“Vamos encontrar as mesmas dificuldades que o Santos teve. Alguns jogadores deixaram para usar o tênis society poucos dias antes e todos tiveram bolhas. O campo é praticamente um carpete, muito duro. A bola fica viva, é natural que quem joga com posse de bola tenha dificuldade”, disse.

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

Os jogadores do Inter já começaram a treinar com tênis de trava mais baixa para não passar pelo mesmo que passaram os jogadores do Santos. O jogo contra o Juan Aurich será o último da fase de grupos. O inter só precisará vencer, se o The Strongest derrotar o Santos na Vila Belmiro.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.