Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Inter usa exemplos recentes para não subestimar o Atlético-PR

Time gaúcho enfrenta o lanterna e pior ataque do Brasileiro. Guiñazu diz que é o adversário mais perigoso

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Que perigo pode representar um jogo em casa, contra o lanterna do campeonato? Todos, segundo o Internacional. O Atlético-PR, 20º colocado no Brasileiro, visita o Beira-Rio nesta quarta-feira, 19h30.

“Acho que é o adversário mais perigoso. O que mais querem é vencer e sair da situação. É complicado. Para nós é uma final. Queremos a segunda vitória em casa”, comentou Guiñazu.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

Exemplos recentes deixam o Inter ainda mais ressabiado. O Avaí era lanterna da competição, veio a Porto Alegre e empatou com o Grêmio. Todos apostavam que o Brasil estrearia com vitória na Copa América, mas os comandados de Mano Menezes não saíram do 0 a 0 com a Venezuela.

“São vários exemplos, poderíamos ficar até amanhã falando sobre isso. O Mano (Menezes) fez uma frase muito boa. Não dá pra chamar nada de zebra. Temos que nos preparar aqui. Tem que demonstrar o favoritismo. Qualquer time que se feche bem vai criar dificuldade até para os melhores times do mundo”, explicou Falcão.

Inter x Atlético-PR ainda apresentam outras diferenças marcantes. Os gaúchos fizeram 16 gols, estão entre os melhores ataques do Brasileirão. Os paranaenses só balançaram as redes duas vezes. A maior dificuldade de Falcão será contornar os desfalques. Confira a ficha técnica da partida.

Leia tudo sobre: InternacionalAtlético-PRBrasielirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG