Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Inter nega intenção de contratar Ganso

Boato dava conta que o jogador poderia ser repassado aos gaúchos antes de se transferir para a Europa

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

A diretoria do Internacional tratou de desmentir um boato dos últimos dias que dava conta que o clube estaria tentando a contratação do meia-atacante Paulo Henrique Ganso.

“O Inter respeita a ética, e nós não faremos nenhum contrato em que isso venha a ser sacrificado. O jogador tem contrato com o Santos. Faremos negócio sempre que tivermos oportunidades, mas dentro da ética e respeitando os contratos”, disse o presidente Giovanni Luigi, em entrevista para a Rádio Gaúcha.

Sem acertar a renovação com o Santos, o jogador poderia passar um tempo em Porto Alegre para depois se transferir para a Europa. A transação se daria da seguinte maneira: o grupo de investimentos DIS, que gerencia a carreira de Ganso, pagaria a multa rescisória para clubes brasileiros que é de 26 milhões de euros (R$ 60 milhões). Delcir Sonda, que é ligado ao DIS, é um velho parceiro do Inter e ajudaria a repassar Ganso para os gaúchos.

Desta forma os empresários poderiam negociar Ganso para o futebol europeu por um valor bem inferior ao que estipula a multa rescisória do Santos para o mercado estrangeiro: 50 milhões de euros (R$ 115 milhões).

Gaúcho, Delcir Sonda é torcedor do Internacional. Ele já ajudou o seu clube nas contratações de Nilmar, D´Alessandro e Kléber.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG