Técnico Celso Roth comandou um recreativo e depois treino de finalizações. Três jogadores cobraram pênaltis

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882599866&_c_=MiGComponente_C

Os jogadores pisaram nesta segunda-feira pela primeira vez no gramado do estádio Mohammed Bin Zayed, palco da estreia contra o Mazembe, da República Democrática do Congo, nesta terça-feira, 14h (horário de Brasília). Depois de um recreativo, o tradicional rachão, alguns jogadores trabalharam finalizações, enquanto três (DAlessandro, Alecsandro e Rafael Sóbis) cobraram penâltis no outro gol. Caso o jogo termine empatado a vaga na final será decidida por penalidades.

Marcel Rizzo
Jogadores do Internacional treinam em campo reduzido no estádio Sultan Bin Zayed

O único a treinar separado foi o zagueiro Índio, mas não é dúvida para a partida. O bonito estádio que pertence ao Al-Jazira, time dirigido pelo técnico brasileiro Abel Braga, chamou a atenção dos atletas, que tiraram várias fotos com a arquibancada e gramado ao fundo. A grama, por sinal, está sem buracos. Funcionários da Fifa cuidavam do local, tapando eventuais setores nos quais a grama saiu, logo depois do treino da equipe brasileira.

O Inter deve entrar em campo com Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kléber; Guinãzu, Wilson Mathias, Tinga e DAlessandro; Rafael Sóbis e Alecsandro. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.