Tamanho do texto

Treinador cai após apenas três meses e cinco partidas oficiais à frente do clube italiano, que perdeu por 3 a 1 para o Novara

selo

Passagem de Gasperini pela Inter de Milão durou apenas cinco partidas oficiais
Getty Images
Passagem de Gasperini pela Inter de Milão durou apenas cinco partidas oficiais
Durou apenas três meses e cinco partidas por competições oficiais a passagem do técnico Gian Piero Gasperini pela Inter de Milão. Nesta quarta-feira, o clube anunciou a demissão do treinador, um dia depois da derrota por 3 a 1 para o Novara , recém-promovido à elite do futebol italiano. A derrota veio menos de uma semana após a equipe ser batida por 1 a 0 pelo Trabzonspor, da Turquia, na estreia do time na fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

A Inter de Milão agradeceu Gasperini por seu trabalho e lamentou que o trabalho não tenha dado certo. Daniele Bernazzani e Giuseppe Baresi assumem o comando da equipe interinamente. Imediatamente, precisarão reerguer a equipe, que tropeçou nas cinco partidas que disputou nesta temporada e somou apenas um ponto em três rodadas do Campeonato Italiano.

A imprensa italiana, que especulava a saída de Gasperini desde a derrota para o Novara, aponta Claudio Ranieri, ex-técnico de Roma e Chelsea, como favorito a assumir o comando da equipe. Outra opção seria o ex-jogador Luis Figo, que possui um cargo na diretoria do clube.

A Inter de Milão tem uma agenda cheia nos próximos dias, jogando contra o Bologna no sábado, fora de casa. Em seguida, viaja para a Rússia, onde vai enfrentar o CSKA Moscou na próxima terça-feira pela Liga dos Campeões da Europa. No sábado seguinte, a equipe receberá o Napoli no San Siro.

Gasperini levou o Genoa à primeira divisão italiana em 2007, em seguida, classificou o clube para a Liga Europa com um quinto lugar em 2009, mas foi demitido em novembro, depois de ganhar apenas 11 pontos nas primeiras 10 partidas da última temporada.

Ele foi o terceiro treinador da Inter de Milão desde que José Mourinho foi para o Real Madrid após vencer o Campeonato Italiano, a Copa da Itália e a Liga dos Campeões na temporada 2009/2010. Rafa Benítez comandou o time durante a primeira metade da última temporada e foi substituído por Leonardo, que deixou a equipe para assumir um cargo na diretoria do Paris Saint-Germain em junho.

A Inter de Milão abriu a temporada com uma derrota por 2 a 1 para o Milan na Supercopa da Itália no mês passado. No Campeonato Italiano, antes da derrota para o Novara, havia perdido para o Palermo por 4 a 3 e empatado com a Roma por 0 a 0. Mas a má fase não pode ser atribuída apenas ao técnico, já que o time perdeu o artilheiro Samuel Eto'o para o Anzhi Makhachkala, da Rússia. Além disso, os atacantes Diego Forlán e Mauro Zárate, ambos recém-contratados, ainda não se destacaram.