Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Inter busca ampliar a maior sequência de vitórias na Libertadores

No Beira-Rio, time gaúcho conseguiu duas goleadas na edição 2011 e já tem 10 triunfos seguidos

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Um empate basta para colocar o Inter na próxima fase da Libertadores. Se depender de retrospecto, o jogo desta noite, às 20h15, contra o Emelec, promete mais. O clube gaúcho está vivendo sua melhor sequência de vitórias em casa pela competição sul-americana.

Foram 10 triunfos nos últimos 10 compromissos pela Liberatdores quando entrou em campo no Beira-Rio. São duas vitórias na atual edição, somadas a mais 7 na vitoriosa campanha de 2010 e um triunfo na competição de 2007. A última vez que a torcida do Inter não comemorou uma vitória, em Porto Alegre, pela Libertadores, foi em março de 2007 quando o time ficou no 0 a 0 com o Vélez Sarsfield. A melhor sequência de vitórias em casa havia sido entre as edições de 1977 e 1980, com 5 triunfos seguidos.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Em 2011 são duas goleadas e nenhum gol sofrido. 4 a 0 no Jaguares e 3 a 0 no Jorge Wilstermann. Ano passado, Deportivo Quito (3 a 0), Cerro-URU (2 a 0), Emelec (2 a 1), Banfield (2 a 0), Estudiantes (1 a 0), São Paulo (1 a 0) e Chivas (3 a 2) saíram de Porto Alegre com as mãos abanando. No último jogo de 2007 foi o Nacional-URU (1 a 0) que voltou para Montevidéu sem levar pontos.

Apesar de ter conseguido duas goleadas na edição 2011, as duas partidas foram bem diferentes. O jogo contra o Jaguares foi mais complicado, o placar elástico acabou sendo construído pelo bom aproveitamento do time. Diante do Wisltermann a diferença de gols foi menor, mas o Inter teve amplo domínio.

O Inter teve 79% de posse de bola contra os bolivianos, enquanto ficou apenas 40% do tempo em domínio do jogo contra o Jaguares, segundo dados do Footstats. O time trocou 544 passes diante do Wilstermann contra 188 contra o Jaguares. Foram 31 finalizações diante dos bolivianos e 13 tentativas no jogo com os mexicanos.

Vipcomm
Leandro Damião é o brasileiro com mais finalizações na Libertadores: foram 23 tentativas em 5 jogos

Inter x Emelec, nesta noite, representa um meio termo entre essas outras duas partidas. Os equatorianos não são tão fortes como os mexicanos, mas também não são tão ingênuos como os bolivianos. Quando empataram, por 1 a 1, no Equador, na primeira rodada, a posse de bola foi dividida em 50% para cada lado. O Inter teve ligeira superioridade na troca de passes: 172 a 164; e deu 16 finalizações a gol contra 11 dos donos da casa.

Leia tudo sobre: InternacionalEmelecCopa Libertadores 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG