Time sofreu três gols do Santos em 10 minutos e trouxe recordações da eliminação na Libertadores

nullJá se vão quase quatro meses desde aquele 4 de maio de 2011. Naquela data, o Inter, de Falcão, sofreu sua maior derrota no ano. Perdeu para o Peñarol e foi eliminado da Libertadores. Nesta quarta-feira o clube repetiu atuação parecida. Vencia o Santos por 3 a 0, mas cedeu o empate de 3 a 3 .

Não pode acontecer. Não continuamos com a mesma marcação do primeiro tempo. Sabíamos que eram perigosos. Temos que nos cobrar”, disse o zagueiro Bolívar.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

Com 26 minutos do segundo tempo, o Inter abriu 3 a 0 sobre o Santos. A goleada parecia consumada e se esperavam até mais gols dos donos da casa. A rede voltou a ser balançada, mas pelo Santos. O jogo terminou empatado em 3 a 3, com o Inter sofrendo três gols em 10 minutos.

“Vamos observar. As coisas aconteceram de maneira muito atrapalhada nos últimos dias. Acho que tudo acontecerá com um pouco mais de calma agora. Vamos aos poucos conhecendo eles melhor. Já tem uma certa distância pra o jogo com o Peñarol. Fomos penalizados ao extremo pelo resultado”, avaliou o técnico Dorival Júnior.

Veja fotos de Inter 3 x 3 Santos:

Na partida pela Libertadores, em abril, o time também fez um bom primeiro tempo. Mas acabou cedendo dois gols aos uruguaios em cinco minutos.

O Inter caiu para a 10ª posição no Brasileirão. Está com 28 pontos, sete atrás da zona da Libertadores. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.