Tamanho do texto

Ingleses venceram rivais do Reino Unido por 1 a 0 com gol de Ashley Young e ficaram mais próximos da classificação

AP
Wayne Rooney foi bem marcado na partida diante dos galeses
Em confronto que reuniu dois países do Reino Unido, a Inglaterra confirmou o seu favoritismo e bateu o País de Gales por 1 a 0, nesta terça-feira, em Londres, em confronto válido pelo grupo G das eliminatórias para a Eurocopa de 2012. O gol da partida foi marcado no primeiro tempo por Ashley Young, que aproveitou cruzamento rasteiro de Stewart Downing.

Com o resultado, os ingleses foram aos 17 pontos, e agora necessitam de um empate contra Montenegro, no próximo dia 7 de outubro, para garantirem a classificação para o torneio do próximo ano. Já os galeses, com três pontos, não têm quaisquer chances de atingirem a vaga.

A Inglaterra foi melhor no primeiro tempo e chegou ao seu gol aos 34 minutos. Na etapa final, porém, o time da casa se acomodou e quase sofreu o gol de empate, que só não ocorreu por causa de um incrível erro de Earnshaw que, mesmo sem goleiro, finalizou para fora.

Young comemora com os companheiros o gol da vitória por 1 a 0 sobre o País de Gales
AFP
Young comemora com os companheiros o gol da vitória por 1 a 0 sobre o País de Gales

O jogo - O País de Gales conseguiu impor uma forte marcação nos primeiro minutos e impediu a criação ofensiva da Inglaterra. Aos poucos, porém, o time da casa passou a dominar o jogo, apostando principalmente na velocidade de Ashley Young e Stewart Downing.

Aos 34 minutos, quando os ingleses, seguiam pressionando, mas corriam riscos nos contra-ataques, Downing fez linda jogada pela direita, entrou na área e cruzou rasteiro para Young bater de primeira para abrir o placar para o English Team .

No segundo tempo a Inglaterra se acomodou com a vantagem e deu espaço para que o País de Gales levasse perigo à meta de Joe Hart. Aos 31 minutos, Earnshaw recebeu livre na pequena área, mas pegou muito mal na bola e perdeu uma chance incrível para o empate. Pouco depois, Gunter recebeu de frente para o gol e finalizou em cima de Hart, mas a arbitragem já assinalava o impedimento. A pressão dos galeses se manteve até o apito final, mas o resultado não foi alterado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.