Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Inglaterra enviará delegação de luxo para apoiar candidatura a Copa 2018

Para acompanhar a eleição que definirá as sedes dos Mundiais de 2018 e 2002, no dia 2, até o príncipe William estará presente

EFE |

O príncipe William, o primeiro-ministro David Cameron, e meia David Beckham liderarão a delegação inglesa que irá apoiar a candidatura do país para sediar a Copa do Mundo de 2018 na eleição que será realizada no dia 2 de dezembro, em Zurique.

Também estarão na Suíça daqui a uma semana os ex-jogadores Bobby Charlton, Gary Lineker, Alan Shearer, Andy Cole e John Barnes. A delegação estará composta por um total de 30 pessoas, na qual também está o treinador da seleção inglesa, Fabio Capello.

O executivo-chefe da candidatura do país, Andy Anson, manifestou que a representação é um reflexo de que a tentativa de receber o Mundial tem o respaldo de todo o país.

"A semana que vem é crítica porque representa a última oportunidade para convencer os membros do comitê executivo da Fifa que votar na Inglaterra deve ser sua opção para 2018", disse Anson, disposto, segundo ele mesmo disse, "a fazer campanha até o último minuto".

A candidatura também recebeu nesta quinta o apoio do técnico do Arsenal, o francês Arsene Wenger, que defendeu que a Inglaterra merece organizar o Mundial porque em nenhum outro país se vive o futebol com igual interesse e energia.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG