Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Indignado com agressão, Alessandro insinua revide no Brasileiro

Lateral do Botafogo disse que foi chutado no chão por jogadores do Avaí e que confusão 'terá volta'

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

Na grande confusão entre jogadores de Avaí e Botafogo, após o empate por 1 a 1, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o lateral-direito Alessandro afirmou que a briga começou por uma cotovelada do meia Marquinhos no atacante Loco Abreu. Inconformado, o jogador deixou no ar que a agressão terá revide quando as duas equipes se enfrentarem pelo Campeonato Brasileiro.

"Eles fizeram uma covardia porque eu estava no chão e eles chegaram a me agredir. Vocês podem ter certeza que terá volta no Campeonato Brasileiro. A confusão começou porque o Marquinhos deu uma cotovelada no Loco Abreu. No final, os outros jogadores chegaram para apartar a briga. Foi lamentável tudo que aconteceu porque acaba incentivando o torcedor a fazer algo errado”, disse Alessandro.

O gerente de futebol do Botafogo, Anderson Barros, não procurou culpados pela pancadaria e declarou que as imagens deverão servir de base para uma possível punição. "As imagens vão mostrar quem está certo e errado. Não temos outro questionamento a fazer. Da mesma forma que vocês (imprensa) não viram tudo eu também não consegui observar tudo", disse o dirigente.

Eliminado do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil, o Botafogo terá uma partida contra o Boavista, no próximo sábado, pela Taça Carlos Alberto Torres, disputada entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Rio. Depois, a equipe só voltará a jogar no dia 22 de maio, pela estreia do Campeonato Brasileiro, contra o Palmeiras.

Leia tudo sobre: botafogoavaícopa do brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG