Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Indeciso, Japão ainda pode disputar a Copa América

Após anunciar que não participaria do torneio que começa em julho na Argentina, Japão pode voltar atrás

Gazeta |

A Federação Japonesa de Futebol havia anunciado no início deste mês que não disputaria a Copa América, devido às consequências do terremoto seguido de tsunami que devastou o país no dia 11 de março. Entretanto, segundo Kozo Tashima, vice-presidente da Federação, o Japão está estudando formas de disputar a competição, e pode reverter a sua decisão.

"A Federação Japonesa ainda não tomou sua decisão final. Vamos ver se podemos enviar uma seleção nacional, usando, mais do que nunca, nossa sabedoria", declarou Tashima nesta quarta-feira, em entrevista para a agência Jiji.

Em reunião realizada no último dia 5, em Buenos Aires, o presidente da Associação de Futebol Argentino, Julio Grondona, se reuniu com Junji Ogura, presidente da federação japonesa, e propôs que a Copa América seja utilizada para promover a reconstrução do Japão após o desastre climático.

"Pedimos um último esforço para eles, vamos ajudá-los. Eles têm muitos jogadores no exterior e seguramente não terão problemas para poder participar", afirmou Eduardo Deluca, secretário-geral da Conmebol.

Na última terça-feira, a Conmebol deu um prazo de dez dias para que o Japão dê a resposta definitiva sobre a sua participação no torneio. Caso não dispute a competição, a equipe nipônica deve ter a vaga disputada por Espanha e Costa Rica.

Leia tudo sobre: copa américa 2011japao

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG