Tamanho do texto

Volante perdeu espaço em sua posição original, mas será titular do time misto de Carpegiani contra o Oeste

Rodrigo Souto está entre os jogadores que mais defenderam o São Paulo em 2011 até agora. Titular absoluto de Paulo César Carpegiani no final de 2010, o volante começou o ano com o mesmo status. Porém, ele perdeu espaço com a volta de Casemiro da seleção sub 20, a boa fase de Carlinhos Paraíba e a entrada de Rhodolfo na lateral-direita, que “empurrou” Jean de volta ao meio de campo.

Agora reserva quando Carpegiani tem todo o elenco à disposição, Souto só será titular neste domingo, contra o Oeste, por conta da decisão do treinador de poupar a maioria dos titulares para o jogo de quarta-feira, contra o Goiás , pela Copa do Brasil . Além disso, ele será improvisado como zagueiro. Mas, mesmo assim, afirma estar feliz com a oportunidade.

“Todo mundo gosta de atuar na posição de origem, mas não vejo problema de atuar na zaga. Estou aqui para ajudar meus companheiros no que precisar. Sempre estarei à disposição e, independente de onde jogar, estou preparado para mostrar o meu trabalho. Quero conseguir uma sequência no time”, afirmou ao site oficial do clube o jogador, que participou de 14 das 21 partidas do São Paulo nesta temporada, sendo 13 como titular.

Na manhã deste sábado, Carpegiani comandou o último treino antes do confronto com o Oeste pelo Paulistão , um “rachão” seguido de treino físico para os titulares poupados. Com o foco no Goiás, o treinador escalará apenas três titulares neste domingo, o goleiro Rogério Ceni , o zagueiro Rhodolfo e o meia Lucas .