Ronaldinho poderia defender o Grêmio a partir de janeiro. Palmeiras e Flamengo também tentam contratar o meia-atacante

Segundo o jornal italiano Gazzetta dello Sport , o meia Ronaldinho Gaúcho está a um passo de deixar o Milan. A publicação informa que o encontro entre o procurador e irmão do ex-melhor do mundo com o diretor rossonero , Adriano Galliani, no Rio de Janeiro, deixou quase tudo acertado. Eles vão voltar a se reunir em primeiro de janeiro para oficializar a saída.

A publicação ainda diz que o destino mais provável do armador é o Grêmio, clube que o revelou. Ele ainda tem propostas de Palmeiras e Flamengo. Ronaldinho está em Dubai com o resto do elenco para um período de treinamentos, mesmo caso de Robinho."Espero que ele fique e seja feliz conosco, mas não sei o que tem em mente", ponderou o ex-jogador do Santos.

O acordo de Gaúcho com o Milan vai até o meio de 2011, e a partir de janeiro já pode assinar um pré- contrato com qualquer clube. Para liberá-lo neste momento, o clube italiano está pedindo cerca de R$ 17 milhões.

Outros veículos veículos de imprensa da Itália dão como certa a saída do meia-atacante do Milan. O site Calciomercato traz como manchte: “Oficial: Ronaldinho vai deixar o Milan”. Na matéria, a publicação informa que o brasileiro deixará Dubai nas próximas horas e voará para o Brasil.

Ronaldinho Gaúcho participou de 30 minutos do treinamento do Milan, em Dubai
AFP
Ronaldinho Gaúcho participou de 30 minutos do treinamento do Milan, em Dubai


O canal de TV Sky Sports também fala em saída nos próximos dias. “Ronaldinho-Milan, a história termina em janeiro. Ele vai para o Brasil”, diz a manchete do site oficial da emissora.

O contrato de Ronaldinho com o Milan vai até o meio de 2011, e a partir de janeiro ele já pode assinar um pré- contrato com qualquer clube. Se liberá-lo neste momento, o clube italiano economiza cerca de seis milhões de euros em salários. 

* com Gazeta Esportiva

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.