Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ibson festeja nova fase e exalta Ganso no Santos

Meia anotou gol no clássico após grande jogada do meia Paulo Henrique Ganso. Ao final do jogo, ex-flamenguista agradeceu

AE |

selo

O gol de Ibson no último domingo, que garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians na Vila Belmiro, foi o quarto dele em 11 jogos e mais um importante passo para ganhar a queda de braço com Elano para se firmar como titular do Santos. Após o jogo, o ex-flamenguista demonstrou humildade ao dizer que apenas está aproveitando as oportunidades que os companheiros criam para ele. E, claro, enalteceu Paulo Henrique Ganso.

Leia também: Santos vence o clássico e acaba com invencibilidade do Corinthians

"Fica fácil jogar ao lado de jogadores de qualidade tão grande. Ganso tem visão ampla e precisão no passe", elogiou Ibson. "Fiz uma boa pré-temporada neste ano e agora as coisas estão correndo bem comigo, ao contrário do que aconteceu em 2011. Quando eu estava começando a me adaptar, sofri uma contusão e fiquei dois meses fora. E quando voltei, jogava com dores", lembrou Ibson.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Ele tem mesmo de agradecer a Paulo Henrique Ganso que, aproveitando a tarde pouca inspirada de Neymar e Borges, fez a diferença no clássico. "Sou o armador do time e o que mais gosto é dar belos passes. Comentei nos vestiários com os companheiros que, se eu acertasse o último passe, nós ganharíamos o jogo e isso realmente ocorreu", comemorou Paulo Henrique Ganso, ao sair de campo. Em duas oportunidades, ele enfiou a bola para Ibson marcar o gol. Na primeira, o meia invadiu a área e concluiu com sucesso. Na segunda, se atrapalhou.

Confira ainda: Muricy diz que seria 'falta de respeito' poupar no clássico

Para Ganso, o clássico foi de alto nível e a forte marcação corintiana valorizou a vitória do Santos. "O resultado foi importante para que na quarta-feira o time consiga ganhar os primeiros pontos na Libertadores. Nosso time está evoluindo física e tecnicamente a cada jogo e agora vamos na busca da liderança no Paulista", prometeu.

Mudança de posição
Para o técnico Muricy Ramalho, a total recuperação de Ganso no começo de temporada, depois de longos períodos de ausência por lesões e más atuações tanto pelo Santos como pela seleção brasileira, não surpreende. "A diferença é que neste ano Ganso está bem fisicamente e mais forte. Como ele é jogador de meio e precisa se movimentar muito, depende demais da parte física", disse o treinador.

Muricy confirmou que pediu para Ganso voltar para ajudar Henrique e Arouca na marcação, mas avisa que não vai abrir mão de seu talento no ataque. "Como ele tem o bom passe, sabe que tem que chegar à frente. Longe de mim querer transformar Ganso num grande marcador", afirmou o técnico.

Leia tudo sobre: NACIONALESPORTES

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG