Atacante do Milan, que enfrenta os catalães na próxima quarta, saiu do time brigado com o treinador Pep Guardiola

Getty Images
Ibrahimovic nunca escondeu problemas com Guardiola durante sua passagem pelo Barcelona
O atacante sueco Ibrahimovic , do Milan , está bastante motivado para o duelo contra o Barcelona , que acontecerá na próxima quarta-feira pela Liga dos Campeões da Europa . A partida marca a primeira vez que o jogador enfrentará seu ex-clube após ter deixado a equipe em 2010.

Confira a classificação da Liga dos Campeões 2011/2012

"Nós jogaremos com o melhor time do mundo, com certeza. Mesmo quando eu saí do time, eu tinha certeza que estava deixando o melhor time do mundo. Mas, para mim, e todas as partes envolvidas, a melhor solução foi deixar o clube", declarou o jogador ao site da Uefa.

O atleta foi contratado pelo Barça junto à Inter de Milão a peso de ouro: pagou 46 milhões de euros e ainda cedeu os direitos federativos do camaronês Samuel Eto'o . Entretanto, apesar de ter marcado 21 gols, o casamento entre o sueco e os catalães durou apenas uma temporada. Em seguida, foi emprestado ao Milan em 2010 e comprado em definitivo por 24 milhões de euros.

Leia também: Em autobiografia, Ibrahimovic revela crise com Guardiola

Ibrahimovic não guarda boas lembranças do técnico do Barcelona, Pep Guardiola. Na autobiografia do jogador acusou o treinador de não ter "culhões" e de "se borrar de medo" de Mourinho . O vice-presidente do Barça, Carlos Vilarrubí, chegou a afirmar que o sueco ameaçou agredir Guardiola na frente da imprensa .

No primeiro turno da fase, Barcelona e Milan se enfrentaram, com um empate em 2 a 2 . Entretanto, Ibra não pode encarar seu ex-time por uma lesão na coxa. O jogador diz que a impossibilidade de disputar a partida o decepcionou, mas não pela vingança.

“Eu estava ansioso por aquele jogo. Eu fiquei desapontado, mas para mim, jogar contra um ex-time não é pessoal. É emocionante, um grande jogo, mas no final, é apenas como qualquer outro jogo”, disse o atacante.

Outro lado

Puyol marca na vitória do Barça. Capitão não tem medo da motivação de Ibra
AFP
Puyol marca na vitória do Barça. Capitão não tem medo da motivação de Ibra
Do lado do Barcelona, o encontro "entre dois dos maiores times da Europa" também está sendo muito aguardado. Carles Puyol , capitão da equipe catalã e autor de um dos gols na vitória por 4 a 0 diante do Zaragoza , mostra um grande respeito pelo rival e diz que um jogo contra o Milan é o tipo de duelo do qual "todos querem participar".

"Eu sempre gostei do Milan. Será uma partida importante e eu espero que tudo ocorra bem. Eles possuem grandes jogadores que podem fazer a diferença, então precisaremos trabalhar duro para vencer", disse o zagueiro ao programa El Matador, da Barça TV.

Sobre a motivação extra de Ibrahimovic, Puyol não acredita que isso fará diferença. "Quem não fica motivado contra o Barcelona? Ele [Ibrahimovic] com certeza dará tudo de si, mas não acredito que ele esteja mais motivado do que nós estamos", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.