Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ibrahimovic contesta punição: "Outros deveriam ser banidos"

Atacante sueco foi suspenso por três partidas após ter sido expulso por insultar assistente em partida contra a Fiorentina

Gazeta |

O sueco Zlatan Ibrahimovic contestou a suspensão de três partidas que recebeu da Federação Italiana por ter sido expulso na última rodada do Campeonato contra a Fiorentina. De acordo com a entidade, o jogador do Milan insultou o assistente.

"Peguei três jogos porque falei comigo mesmo. Estava chateado porque havia perdido a bola. Se eu peguei três jogos, alguns deveriam ser banidos do futebol", criticou o artilheiro do clube no Campeonato Italiano ao lado de Alexandre Pato, com 14 gols.

Brigando pelo título do Italiano, com apenas três pontos de vantagem para o Napoli, o time do técnico Massimiliano Allegri não terá um de seus maiores goleadores contra Brescia, Sampdoria e Bologna. "O Milan é uma boa equipe e vai vencer mesmo sem mim", garantiu o treinador.

O Milan vai recorrer da decisão e aposta no advogado Leandro Cantamessa. "Ninguém pode saber melhor que Ibrahimovic o que aconteceu. É plausível que ele tenha se revoltado consigo mesmo", justificou Cantamessa.

Essa foi a segunda expulsão de Ibra na temporada, mas o advogado não o considera reincidente. "Foram comportamentos diferentes. Contra o Bari, ele foi violento. Neste caso se trata de uma expressão ofensiva", explicou.

Leia tudo sobre: IbrahimovicMilanitáliafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG