Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ibagué proíbe carros comuns de circular por 7 horas nesta quarta

Cidade colombiana tenta combater poluição. Só presidente do Tolima burlou a recomendação

Bruno Winckler, enviado iG a Ibagué |

A cidade de Ibagué, onde às 22h (de Brasília) acontece a partida de volta entre Corinthians e Tolima, pela Libertadores, tem uma maneira pouco comum para combater a poluição do ar. Nesta quarta-feira, entre 7h e 14h (das 10h às 17h de Brasília), esteve proibida a circulação de carros comuns pela cidade. Ao infrator pego dirigindo pela cidade, porém, não é previsto o pagamento de multas.

O motorista que dirigir neste horário é apenas notificado, mas tem a obrigação de assistir a uma aula de três horas e meia promovida pela prefeitura sobre os males que a poluição pode causar à população da cidade.

Bruno Winckler
Táxis tiveram autorização para cirrcular pela cidade

De acordo com guardas municipais, esta medida é tomada entre duas e três vezes por ano, quando os indíces de poluição na cidade estão mais altos. Esta é a primeira vez em 2011 que a prefeitura adota esta norma.

A exceção desta regra serve apenas para táxis e ônibus municipais. Ibagué, com cerca de 500 mil habitantes, tem mais de 3 mil táxis oficiais que podem ser vistos em todas as esquinas da cidade. A cor amarela domina as ruas por causa destes carros.

Quem não deu bola para a recomendação foi o presidente do Tolima, Gabriel Camargo. Ele chegou ao hotel da delegação em Ibagué ao meio-dia com sua caminhonete, escoltada por um carro da polícia local. Camargo esteve por cerca de 30 minutos reunido com o elenco para acertar detalhes dos prêmios em caso de classificação e para transmitir confiança da diretoria.

Leia tudo sobre: corinthianstolimalibertadores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG