Jogador, que fez o gol da vitória, elogiou o time, mas cobrou mais iniciativa em campo

Responsável pelo gol que encerrou a série de três jogos sem vitória da Ponte Preta  na Série B, o meia Lúcio Flávio destacou não só a sua atuação com a camisa da Macaca, mas também o poder de reação de toda a equipe na partida. Mesmo marcando seu segundo gol consecutivo, o jogador fez questão de frisar que seu objetivo não é ser titular, e sim ajudar a equipe a conquistar o acesso e o título do campeonato.

"Estou feliz porque estava trabalhando bastante. Fazia alguns jogos que entrava e ia bem, mas a bola não entrava no gol. No primeiro jogo de titular, contra o Náutico , já consegui marcar e ontem fiz o gol da vitória. Tudo isso é fruto do trabalho e agradeço ao professor Gilson pela oportunidade", afirmou Lúcio Flávio.

Considerado o grande herói do jogo pela torcida pontepretana, Lúcio Flávio apontou que o mérito pelo resultado positivo deve ser divido entre todos os jogadores e a comissão técnica. Na ocasião, a Ponte Preta empatava em 1 a 1 com o ASA , mas o meia conseguiu finalizar nos acréscimos e marcar o gol da vitória, que acabou com a invencibilidade dos alagoanos dentro de casa e colocou a Macaca ainda mais perto da liderança da Série B.

"Sabemos que não podemos só reagir, temos que agir antes, mas estávamos melhor na partida quando infelizmente tomamos o gol. No entanto a equipe mostrou que tem muita força para reverter qualquer resultado adverso, realmente não merecíamos perder no jogo de ontem", completou Lúcio Flávio.

Nesta segunda-feira, os jogadores realizaram um trabalho regenerativo em Maceió e retornam para Campinas nesta tarde, onde darão início à preparação para o jogo contra o Vila Nova , na próxima sexta-feira, em Araraquara. Para esta partida, o técnico Gilson Kleina terá os desfalques de Mancuso e Guilherme , que foram suspensos, e conta com a avaliação médica de Renato para saber se poderá escalar o jogador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.