Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Hernández marca no fim e Manchester United vence o Everton

O gol da vitória por 1 a 0 deu tranquilidade aos líderes do Inglês, que agora têm 6 pontos na frente

Gazeta |

O mexicano Javier Hernández mostrou mais uma vez que tem estrela com a camisa vermelha do Manchester United. Em Old Trafford, a sete minutos do fim do jogo, Valencia cruzou da direita, a bola desviou na zaga do Everton e caiu caprichosamente na cabeça de Chicarito. O gol da vitória por 1 a 0 deu tranquilidade aos líderes do Campeonato Inglês.

Na realidade, o triunfo deveria ter sido muito mais tranquilo, não fossem as boas defesas do goleiro norte-americano Tim Howard, pois a partida inteira foi dominada pelos Red Devils. O time de Liverpool ameaçou em um único lance, com Jack Rodwell, mas Van der Sar mostrou que também pode ser decisivo.

O resultado deixa o United com 73 pontos na tabela da Premier League. São seis a mais que o Chelsea, com 67, em segundo lugar. O Arsenal, com 64 pontos, é outro perseguidor do time do técnico Alex Ferguson e ainda joga pela 34ª rodada, neste domingo, às 12 horas (de Brasília).

O próximo desafio da equipe é na terça-feira contra o Schalke 04, pela semifinal da Copa dos Campeões da Europa. No Inglês, volta a campo em 1º de maio para enfrentar o Arsenal. O Everton, que se manteve na sétima colocação, pega o Wigan no final de semana que vem.

 

ae
Atacante mexicano marcou o gol da vitória do Manchester na partida
O jogo 
O Manchester United teve posse de bola bem superior à do rival na etapa inicial, na casa dos 60%, e criou mais chances. Aos 12 minutos, Nani recebeu de Rooney na esquerda, cortou para o meio e bateu para boa defesa de Tim Howard.

O goleiro foi a principal razão do primeiro tempo ter terminado sem gols. Aos 24, Javier Hernández foi lançado por Anderson pela esquerda e bateu forte, de canhota, buscando o espaço entre a perna direita de Howard e a trave, mas foi frustrado pelo norte-americano. Na sequência, Chicarito teve outra oportunidade, desta vez após passe de Rooney, mas o arqueiro interveio novamente.

A melhor chance de gol aconteceu apenas aos 37 minutos. Valencia ganhou de Leighton Banes pela direita, Chicarito puxou a marcação pelo meio, mas se enrolou com a zaga e caiu no chão. A bola chegou a Nani, o chute do português bateu nas costas do mexicano e saiu.

A pressão do United continuou no segundo tempo, mas as finalizações não. Aos 20 minutos, Anderson cortou da direita para o meio e tentou chutar de canhota, mas pegou mal na bola, que partiu fraca.

A resposta do Everton, a única da partida, veio com Jack Rodwell. Ele buscou o espaço à frente da área, bateu de perna direita, o chute desviou em Jonathan Evans e, por pouco, não enganou Van der Sar, que operou uma linda defesa com a ponta dos dedos. A bola ainda bateu na trave antes de sair.

Aos 28 minutos, Rooney clareou para o meio e abriu a jogada na direita com o brasileiro Fábio. O cruzamento foi desviado por Michael Owen, e Tim Howard se assustou ao ver a bola bater na trave.

A sete minutos do fim, Valência foi à linha de fundo pela direita, seu cruzamento ainda desviou na zaga do Everton, e caiu na cabeça de Hernández. O mexicano não decepcionou e marcou o gol da vitória do Manchester United.

Jogos deste sábado (23 de abril):

Aston Villa 1x1 Stoke City

Blackpool 1x1 Newcastle

Liverpool 5x0 Birmingham

Sunderland 4x2 Wigan

Tottenham 2x2 West Bromwich

Wolverhampton 1x1 Fulham

Leia tudo sobre: manchester unitedfutebol mundialinglaterra

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG