Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Henrique quer manter ritmo no primeiro jogo depois da convocação

Volante espera que a visibilidade e a cobrança sejam maiores depois de ser lembrado por Mano Menezes

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

nullO jogo contra o Tupi, na próxima quarta-feira, em Juiz de Fora, será o primeiro do volante Henrique depois da convocação inédita para a seleção brasileira. O atleta do Cruzeiro espera uma cobrança maior, mas disse que vai procurar desenvolver o mesmo trabalho que fez com que o técnico Mano Menezes se lembrasse de seu futebol para vestir a “amarelinha”.

Henrique vem sendo uma das principais peças do esquema tático de Cuca nesse início de temporada. Eficaz na marcação e habilidoso na saída de bola, o atleta sabe que a visibilidade aumentou com a convocação. “Tenho que continuar do mesmo jeito. Claro que vai ser mais visível, uma cobrança maior. Mas tenho que trabalhar do mesmo jeito, pois foi dessa forma que conquistei essa oportunidade. A visibilidade e a cobrança serão maiores, mas estou tranqüilo”, disse o volante.

O jogador ainda não sabe se merecerá uma atenção especial por parte do Tupi. “Não sei. Vamos esperar para ver. Sou um jogador que marca e sai para o jogo. Somente o jogo vai dizer isso, se vai ter essa marcação especial. Se tiver, tenho que estar preparado para marcar primeiro e sair na boa para ajudar meus companheiros na frente”, ressaltou o volante.

Caso Cuca opte por entrar com três volantes contra o Tupi, Henrique deve ganhar mais espaços para sair para o ataque, já que Leandro Guerreiro gosta de atuar mais como primeiro volante. “O Leandro tem característica de marcar mais, fazer o primeiro volante. Já jogamos assim várias vezes e estamos acostumados. Com três volantes, tem mais espaço e mais liberdade para sair para o jogo”, analisou o atleta.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroCampeonato Mineiro 2011Henrique

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG