Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"Há pessoas atrapalhando o Palmeiras", reclama Lincoln

"Podia ser diferente, as pessoas poderiam trabalhar em grupo e pensar apenas no Palmeiras", disse o meia

AE |

O clima de eleições do Palmeiras está mexendo com os jogadores da equipe. Depois de Valdivia afirmar que fica no time, independentemente de quem for eleito o novo presidente, desta vez foi Lincoln quem opinou sobre os problemas políticos do clube.

"A eleição não influencia a gente, mas vemos que muitas coisas que vêm de fora são negativas. Pessoas querem atrapalhar o ambiente. O Palmeiras podia ser diferente, as pessoas poderiam trabalhar em grupo e pensar apenas no Palmeiras", opinou o meio-campista, em entrevista ao "SporTV", deixando claro que o conturbado cenário político do clube tem atrapalhado o desempenho dos jogadores dentro de campo.

Ainda de acordo com o jogador, alguns dirigentes estão deixando que suas "vaidades" interfiram na política do clube. "O Palmeiras precisa parar com vaidade, de um querer ser melhor que o outro. Aqui no futebol não tem isso não, a gente se respeita", afirmou.

Lincoln ainda confirmou que não terá condições de entrar em campo na partida desta quinta-feira, diante do Ituano, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. Ele segue se recuperando de uma lesão muscular na coxa direita. "Não jogo. Vou fazer uns dez, 15 dias de reforço muscular para não agravar a lesão", completou.

Leia tudo sobre: PalmeirasLincoln

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG