Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Guilherme Santos acaba com a maldição da camisa 6 do Atlético-MG

Depois de testar 27 jogadores na lateral-esquerda em quase dez anos, Atlético-MG se firma com Guilherme

Victor Martins, iG Belo Horizonte* |

Sete jogos apenas, foi o que precisou o lateral-esquerdo Guilherme Santos para se firmar como o dono da camisa 6 do Atlético-MG. Depois de muitas apostas e longos anos de espera, a torcida atleticano reencontra em um novo vascaíno um lateral-esquerdo de confiança. Desde a passagem de Felipe, hoje novamente no Vasco, em 2001, que nenhum outro jogador tinha tanta confiança dos atleticanos.

Alguns jogadores conseguiram até uma longa sequência de jogos, como Thiago Feltri, Rubens Cardoso e Leandro, mas nenhum foi aprovado pela torcida do Atlético-MG. Ao todo o clube contratou 28 jogadores para a posição desde janeiro de 2002. Alguns deles nem sequer jogaram pelo Atlético-MG, casos de Luiz Cláudio em 2006 e Paulo Rodrigues em 2008.

Felipe disputou apenas sete partidas pelo Atlético-MG, no Brasileirão de 2001. Naquele ano o time alvinegro foi semifinalista da competição, a última boa campanha atleticana no Brasileirão. Se Felipe ficou pouco tempo em Minas Gerais, o mesmo não deve ocorrer com Guilherme Santos. O Atlético-MG pagou R$ 680 mil para contratar o jogador, junto ao Almería, da Espanha. Com um contrato de quatro anos, ele espera evoluir ainda mais com a camisa alvinegra.

“O trabalho está, cada vez mais, evoluindo, graças a Deus, ao pessoal do Atlético, à preparação física, ao Dorival e ao grupo, que me ajudaram para essa evolução”, disse Guilherme, que não sabe explicar a razão de tantos jogadores terem passado por sua posição nos últimos dez anos.

“É uma questão que estava complicada, mas é o momento. O Léo (Leandro) e o Eron são jogadores que fazem bem a função, não estão aqui à toa. Quando cheguei, deixei bem claro que via o Atlético como um grupo, com todo mundo preparado para jogar”.

No Atlético-MG desde o dia 16 de março, Guilherme Santos já pode conquistar seu primeiro título pelo clube. Além do bom futebol, o lateral tem se mostrado pé-quente. São seis vitórias atleticanas e um empate desde que ele entrou na equipe. Portanto, se mantiver o desempenho, o Atlético-MG vai levar o Campeonato Mineiro, já que joga por um empate com o Cruzeiro, neste domingo.

“O jogo vai ser complicado. Estávamos desacreditados e vamos entrar com toda humildade, mas a pegada é de time forte, com pressão o tempo todo. Quem não aguentar, tem mais três de for a para entrar e dar conta do recado. Não podemos parar em nenhum momento, porque o time deles tem muitos jogadores de qualidade”.

Leia tudo sobre: Atlético-MGCampeonato Mineiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG