Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Guilherme não promete gols e nem comemoração contra o Cruzeiro

Atacante do Atlético-MG foi revelado pelo rival e espera ter boa atuação no clássico deste domingo

Victor Martins, iG Belo Horizonte |

Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro
Guilherme diz que ainda não pensou em nenhuma comemoração caso marque contra o seu ex-clube
Apesar de não ter atuado no último clássico, o atacante Guilherme entra na partida deste domingo como um dos jogadores mais pressionados pela torcida do Atlético-MG . Mesmo vivendo boa fase no clube, inclusive quebrando uma marca pessoal no Estadual , o atacante ainda é muito lembrado pela sua passagem no Cruzeiro .

Veja também: Confira a classificação atualizada do Campeonato Mineiro

Portanto, marcar gols no clássico e comemorá-los pode ser o diferencial que a torcida atleticana espera para ter identificação. Caso marque algum gol, Guilherme não promete nenhum time de comemoração, mas dá a entender que pode pintar algo especial.

Veja também: Depois de superar marca pessoal, Guilherme mira clássico mineiro

“Se fosse escolher quantos gols, a quantidade que for preciso para ajudar a equipe. Mas eu não estou preocupado com comemoração e nem com gols. Vamos esperar o jogo, na hora a gente vê o que vai acontecer”, disse o atacante que está ciente de quanto seria um importante um gol diante do Cruzeiro.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

“Acho que é importante sim, mas eu não estou muito preocupado com essa situação de gol. O que eu quero mesmo é jogar bem e ajudar. Tenho que fazer é manter, fazer o meu trabalho com humildade. Se acontecer o gol vai ser bem, se não acontecer é procurar ajudar a equipe de outras formas. Mas acho que pelo lado do torcedor, com gol ele me abraçaria melhor”.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Um dos motivos para Guilherme demorar a cair nas graças da torcida atleticana é o seu passado azul no clássico mineiro . Foram seis gols em oito partidas, com seis vitórias e apenas uma derrota. Ao ser questionado se confia que pode resolver a partida deste domingo, Guilherme esbanjou confiança e mostrou que quer ter também uma bonita história no lado alvinegro do maior duelo de Minas Gerais.

“Claro, tenho plena confiança disso. Não só em clássicos, mas em qualquer jogo. Só que ainda é muito cedo para falar. Do lado de lá foram oito jogos e aqui foi apenas um. Vamos aguardar e quem sabe eu não possa ajudar o lado de cá dessa vez?”.

Leia tudo sobre: Atlético-MGGuilhermeMineiro 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG