Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Guardiola refuta comparações a Mourinho e o acusa de desonesto

"Nós do Barcelona sempre tentamos ser honestos, por isso, não acho que sejamos parecidos", disse o técnico

Gazeta |

AFP
Os técnicos Pep Guardiola e José Mourinho trocam cumprimentos antes de clássico espanhol
Durante a semana, Mourinho declarou que ele e Guardiola não eram diferentes e que todos os técnicos acabam reclamando de arbitragem. No entanto, o treinador do Barcelona foi enfático ao refutar essas comparações, no sábado.

Deixe sua mensagem e comente a notícia com outros torcedores

"Sim, nós nos parecemos no sentido de que queremos sempre ganhar. Mas, se nos parecemos também em outros sentidos, preciso rever meu comportamento", declarou, em referência aos comentários sobre a arbitragem.

O catalão ainda foi além, classificando os métodos do português como desonestos. "Nós do Barcelona sempre tentamos ser honestos e, por isso, não acho que sejamos parecidos. Nunca quis chegar a seu nível", disparou o comandante.

Guardiola também comentou sobre as recentes insinuações do ex-diretor do Barcelona, Alfons Godall, de que o clube tinha o controle da arbitragem, mas agora está irritado por não exercer mais poder sobre ela. "É muito ruim para o futebol que não se dê crédito para Messi ou Cristiano Ronaldo . Ganhamos porque jogamos melhor que os outros. Fomos ajudados tanto quanto qualquer outro clube. Da mesma forma, se o Real está 10 pontos à nossa frente é por mérito de seus jogadores", afirmou.

Leia tudo sobre: futebol mundialespanhabarcelonareal madridguardiolamourinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG