Barcelona e Arsenal se enfrentam nesta terça por uma vaga nas quartas de final da Liga dos Campeões

selo

O técnico Josep Guardiola minimizou nesta segunda-feira a "fragilidade mental" dos jogadores do Arsenal, rival do Barcelona nesta terça, no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, no Camp Nou.

"Eu sempre escuto sobre essa fragilidade mental dos atletas do Arsenal. Mas não concordo com isso. Eles estão disputando o título Inglês com o Manchester United, foram para a final da Copa da Liga Inglesa e estão sempre na Liga dos Campeões. O Arsenal está sempre perto do topo. Talvez quando ele vencerem o próximo [grande jogo], a mentalidade deles mudará um pouco", opinou o treinador do Barcelona.

Guardiola também comentou sobre a pressão sobre seus jogadores, que perderam de virada no jogo de ida. "O estresse e a pressão estão sempre na cabeça dos jogadores. Mas você tem que jogar. O mais importante é estar focado no jogo. Temos que ficar atentos com muitos detalhes para vencer o Arsenal", afirmou o técnico, na véspera do confronto decisivo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.