Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Guarani quebra jejum com gol olímpico, mas só empata com Vitória

Geovane fez belo gol no Brinco de Ouro, mas Adailton também deixou o seu e não houve vencedores em Campinas. Assista aos gols da partida abaixo

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860297360&_c_=MiGComponente_C

Depois de seis jogos sem marcar, o Guarani balançou as redes neste domingo, no Brinco de Ouro da Princesa, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, o Bugre só empatou com o Vitória por 1 a 1. Com este resultado, os campineiros caíram para a 18ª colocação, enquanto os baianos desceram um degrau e agora estão no 16º lugar.

Os dois gols saíram no segundo tempo, marcado por Adaílton, para o rubro-negro, e Geovane, cobrando escanteio direto para o gol, em prol do alviverde. Na próxima rodada, o Guarani pega o Grêmio, enquanto o Vitória enfrenta o Corinthians.

Vídeo: Veja os gols do Brinco de Ouro




O jogo
Durante o primeiro tempo, o Guarani abusou de perder oportunidades claras de gol. Após um começou truncado, os anfitriões começaram a se soltar na partida e criaram a primeira chance de perigo aos 15 minutos do primeiro tempo, quando Apodi usou sua velocidade, invadiu a área e chutou forte para boa defesa de Viáfara.

O jovem Douglas, de apenas 17 anos, que vestiu a camisa 9 do Bugre nesta partida, teve sua oportunidade ao 23 minutos, quando recebeu cruzamento da esquerda. Contudo, o atleta finalizou muito alto, para fora, sem perigo para o arqueiro baiano.

E o primeiro tempo foi assim, com poucas oportunidades para os dois lados. No segundo tempo, a tônica se manteve, com o Guarani perdendo chances. A diferença é que o Vitória voltou mais ousado e perigoso nos contra-ataques.

Até que aos 33 minutos, o centroavante Júnior abriu pela esquerda e cruzou para Adaílton, que entrou nas costas de Márcio Careca e marcou o primeiro gol da partida, castigando os anfitriões. Contudo, dois minutos depois, Geovane cobrou escanteio e marcou gol olímpico, encerrando o jejum de gols campineiro.

Nos últimos minutos, Preto - do lado verde - e Bida - do lado rubro-negro - ainda criaram oportunidades e tentaram fazer seus respectivos times pressionarem. Só que as defesas se sobrepuseram e o placar não foi mais alterado.


FICHA TÉCNICA - GUARANI 1 X 1 VITÓRIA

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data: 14 de outubro de 2010, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Assistentes: Gilson Bento Coutinho e Bruno Boschilia. (ambos do PR)
Cartões amarelos: Douglas, Apodi, Preto (G), Ramon, Neto Coruja, Gabriel Paulista, Viáfara e Bida (V)

Gols:

GUARANI: Geovane, aos 35 minutos do segundo tempo
VITÓRIA: Adaílto, aos 33 minutos do segundo tempo

GUARANI: Emerson; Apodi, Aislan, Ailson e Márcio Careca; Maycon, Paulinho (Paulo Roberto), Barboza (Reinaldo), Preto; Mazola e Douglas (Geovane)
Técnico: Vagner Mancini

VITÓRIA: Viáfara; Rafael Granja, Gabriel Paulista, Anderson Martins e Jonas (Thiago Martinelli); Neto Coruja, Uelliton, Bida e Ramon (Egídio); Elkeson (Adaílton) e Júnior
Técnico: Antônio Lopes

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG