Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio não aproveita expulsão, faz gol contra e perde em Caxias

Vitória do Juventude por 3 a 2 se tornou realidade no final do jogo. Time de Renato Gaúcho não jogou mal

iG Porto Alegre |

Wesley Santos/Pressdigital
Leandro fez o dele, ganhou carinho de Renato, mas o Juventude ganhou
O Juventude acertou três bolas na trave, Victor fez ao menos duas grandes defesas e o Grêmio precisou suportar a tradicional pressão do time da casa no início do jogo. A julgar por estes fatos, o time de Porto Alegre teria feito uma péssima atuação. Não foi o que aconteceu na noite desta quarta-feira, em Caxias do Sul.

Mesmo com seis desfalques, o time de Renato Gaúcho controlou a partida, atrasada da primeira rodada da Taça Farroupilha, e só não ganhou porque teve um apagão nos últimos minutos. Não aproveitou uma expulsão, fez um gol contra e levou outro de fora da área. Resultado: 3 a 2 Juventude, após estar duas vezes atrás do placar.

A derrota, a terceira no ano, manteve o time de Renato Gaúcho na terceira colocação do Grupo 2 do segundo turno do Gauchão. No domingo, o rival é o Veranópolis, no Olímpico, pela sexta rodada da Taça Farroupilha, o segundo turno do Estadual.

O jogo
O time misto do Grêmio pareceu sentir o desentrosamento no começo do jogo. Ao dar a saída, Lúcio passou, Fernando estava desatento e a bola se ofereceu para Cristiano. O meia avançou e bateu forte. Por sorte, a trave direita salvou Victor.

Os erros de passe se revelaram constantes. Só aos 11 minutos, após escanteio cobrado por Douglas, Leandro cabeceou com perigo ao gol de Jonatas. Foi a primeira chance gremista. O Juventude, até então melhor em campo, atacava com velocidade e se aproveitava da deficitária marcação do time de Renato.

Aos 23, Cristiano, agora de cabeça, acertou a trave esquerda do camisa 1 tricolor. Foi quando Leandro começou a desequilibrar. Assumiu a responsabilidade de enfrentar os zagueiros, pendurou os adversários com cartões amarelos e cavou faltas perigosas todas pelo lado direito. Curiosamente, o gol saiu pelo outro lado.

Gilson tabelou com Lúcio, este cruzou e Borges abriu o placar de cabeça. Foi o sétimo gol dele no ano, o artilheiro do time.

O gol não arrefeceu o Grêmio, que continuou atacando. Até o intervalo, assumiu e manteve o controle da partida. Leandro, o destaque, sofreu seis faltas das 15 cometidas pelo time do interior no primeiro tempo.

A desatenção, desta vez, não poupou o Grêmio. No começo do segundo tempo, Celsinho ganhou na corrida de Gilson e cruzou, Zulu subiu mais do que Rafael Marques e cabeceou na trave. Pela terceira vez. No rebote, enfim, o Juventude fez o seu gol. Júlio Madureira estufou a rede do gol de Victor. Era um minuto da etapa final.

O time da casa ensaiou uma reação, porém, a sorte sorriu para o Grêmio. Fernando acertou um chutão, Leandro aproveitou a má marcação dos zagueiros e apareceu livre dentro da área. Teve tranquilidade para dominar, driblar Jonatas e fazer o 2 a 1. Foi o quarto gol dele em quatro jogos no Estadual.

Quando a vitória parecia encaminhada, ainda mais após a expulsão de Rafael Pereira aos 12 minutos, o inacreditável aconteceu. Leandro e Borges perderam gols cara-a-cara com Jonatas. E o futebol não perdoa...

Gilson, sozinho dentro da área do Grêmio, cabeceou para trás e fez gol contra. Era o empate do Juventude aos 34 minutos. O lance bisonho abateu o Grêmio, que não teve forças para buscar o terceiro gol, e animou o Juventude que virou o placar. Aos 43 minutos, Ramiro acertou um belo chute de fora da área e decretou o 3 a 2.

FICHA TÉCNICA - JUVENTUDE 3 X 2 GRÊMIO

Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data: 30 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves de Lima
Auxiliares: Marcelo Barison e José Inácio de Souza
Cartões amarelos: Fred, Cristiano, Rafael Pereira, Bresan (Juventude) e Douglas, Fernando, Willian Magrão, Lúcio (Grêmio)
Cartão vermelho: Rafael Pereira

Gols:

Grêmio: Borges, aos 32 minutos do primeiro tempo. Leandro, aos 9 minutos do segundo tempo
Juventude: Júlio Madureira, a 1 minuto, Gilson (contra), aos 34 minutos, e Ramiro, aos 43 minutos do segundo tempo.

JUVENTUDE: Jonatas; Celsinho (Bresan), Rafael Pereira, Fred e Alex Teles; Umberto, Gustavo (Jardel), Jander (Ramiro) e Cristiano, Júlio Madureira e Zulu.
Técnico: Picoli.

GRÊMIO: Victor; Gabriel, Rafael Marques, Neuton e Gilson (Vinícius Pacheco); Fernando, Willian Magrão (Mateus Magro), Lúcio (Bruno Collaço) e Douglas; Leandro e Borges.
Técnico: Renato Gaúcho

Leia tudo sobre: grêmiocampeonato gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG