Após 3 a 2 no Beira-Rio, com dois de Junior Viçosa, time de Renato Gaúcho pode ser campeão até com derrota

O Grêmio saiu na frente na disputa pelo título do Gauchão, neste domingo, no Beira-Rio. E foi um belo jogo, com vitória gremista por 3 a 2 sobre o arquirrival Internacional . O atacante Junior Viçosa foi o destaque ao marcar dois gols do time vitorioso, em uma partida que deixou de lado a disputa acirrada pela bola e privilegiou a qualidade.

No próximo domingo, no Olímpico, o Inter precisa vencer por dois gols de diferença para ser campeão. Se ganhar por 1 a 0 ou 2 a 1, terá de se contentar com o vice. De quebra, o técnico Falcão não terá Tinga, suspenso, mas contará com o retorno de Guiñazu.

O Grêmio perdeu Escudero expulso, teve Rodolfo machucado. Mas Adilson volta após suspensão.

O jogo
Os dois treinadores surpreenderam nas escalações. No Inter, Paulo Roberto Falcão mandou a campo dois atacantes após três jogos: Rafael Sobis entrou no lugar de Oscar. Renato Gaúcho, no Grêmio, optou por Vilson, Escudero e Junior Viçosa nas vagas de Rafael Marques, Lúcio e Borges.

null

Resultado: foi um belo clássico. Referendado por um dado: apenas Rodrigo levou amarelo nos 45 minutos iniciais. Com poucas faltas, sobraram oportunidades de gol. Especialmente para o Grêmio.

Mantendo a estrutura tática no 4-4-2 com meio-campo em forma de losango, o time de Renato manteve o controle da partida logo após o apito inicial de Jena Pierre Gonçalves Lima. Marcava pressão e atacava em velocidade. Foi assim que Leandro e Escudero quase abriram o placar.

Porém, a qualidade individual fez diferença em favor do Inter. D'Alessandro e Rafael Sobis tabelaram pela esquerda, o atacante serviu Andrezinho, que bateu de primeira: 1 a 0. Foi a primeira chance criada pela equipe de Falcão.

Leandro comemora com os companheiros o segundo gol do Grêmio sobre o Internacional
Futura Press
Leandro comemora com os companheiros o segundo gol do Grêmio sobre o Internacional

O Grêmio se abateu. Passou a errar passes e dar muitos espaços a D'Alessandro. Um erro de Bolívar, porém, mudou o destino da partida. Ele perdeu bola, Douglas serviu Viçosa e o atacante chutou para fora. A partir dali, o time de Renato melhorou.

Muito porque Escudero, que já tinha boa atuação, passou a jogar pelo lado direito. Ele, aos 17, passou por três e chutou para boa defesa de Renan. O Inter vivia de jogadas individuais explorando a velocidade de Sobis e Andrezinho, que quase ampliou aos 21.

Então, após perder gol incrível, Viçosa empatou. Rochemback lançou, Renan saiu mal e o atacante fez de cabeça. O primeiro tempo terminava em 1 a 1.

Não foi possível nem analisar como as equipes voltaram para o segundo tempo. Aos 43 segundos, após bela troca de passes, o Grêmio entrou tabelando na área do Inter. Leandro desviou de Renan e virou o jogo.

Com vantagem no placar, o Grêmio ampliou o domínio da partida. Mantinha a boase de bola, atacava em velocidade e não corria riscos defensivos. O Inter não tinha forças para atacar. Então, Falcão decidiu mudar. Oscar entrou no lugar de D'Alessandro e Cavenaghi, no de Sobis.

Oscar melhorou o Inter. Interessado, quase empatou por duas vezes. Leandro, porém, era o melhor em campo. Com arrancadas em direção ao gol, passou a pendurar a defesa rival. E a cada lance criava uma oportunidade.

Mas o artilheiro Leandro Damião empatou, de cabeça, aos 36. Então, quando o clássico parecia encaminhar para o empate, Junior Viçosa decretou a vitória, também de cabeça: 3 a 2.

Domingo que vem tem mais.

Veja as imagens dos estaduais neste domingo :

FICHA TÉCNICA - INTERNACIONAL 2 X 3 GRÊMIO

Local : Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 8 de maio de 2011, domingo
Horário : 16h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Auxiliares : Marcelo Barison e José Javel Silveira (RS)
Cartões amarelos: Rodrigo, Bolívar, Bolatti, Nei, Tinga (Internacional) e Fernando, Neuton (Grêmio)
Expulsão: Escudero (Grêmio)
Público : 23.391 (20.829 pagantes)
Renda: R$ 685.333

Gols:
I nternacional
: Andrezinho, aos oito minutos do primeiro tempo. Leandro Damião, aos 36 minutos do segundo tempo
Grêmio : Junior Viçosa, aos 38 minutos do primeiro tempo. Leandro, aos 43 segundos, e Junior Viçosa, aos 41 minutos do segundo tempo.

INTERNACIONAL : Renan; Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Bolatti, Tinga, Andrezinho e D’Alessandro (Oscar); Rafael Sobis (Cavenaghi) e Leandro Damião.
Técnico: Paulo Roberto Falcão.

GRÊMIO: Marcelo; Mário, Vilson, Rodolfo (Neuton) e Gilson; Fábio Rochemback, Fernando, Escudero e Douglas (Lúcio); Leandro e Junior Viçosa.
Técnico: Renato Gaúcho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.