Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio joga fácil, dá goleada e segue no Campeonato Gaúcho

André Lima marcou dois gols e comandou a vitória de 5 a 0 contra o Ypiranga. Cruzeiro será o próximo rival

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

nullNão deu nem para o Ypiranga sonhar com a classificação. O Grêmio atropelou o adversário e está na semifinal do primeiro turno no Gauchão. André Lima, logo com um minuto de jogo, abriu o placar. O camisa 99 ainda marcou o segundo aos 25 minutos e Douglas ampliou na primeira etapa. Borges marcou o quarto gol no segundo tempo e o garoto Leandro completou a goleada no fim do segundo tempo: 5 a 0.

O técnico Renato Gaúcho optou pelos titulares. Apenas Carlos Alberto, com dores musculares, foi preservado. Entrosado e tecnicamente superior o Grêmio dominou todo o primeiro tempo. O Ypiranga praticamente já saiu perdendo, pois levou o gol logo cedo. O dono da casa manteve o domínio em toda a primeira parte, passou por poucos apuros e construiu três gols em 45 minutos.

O Ypiranga tentou ser um pouco mais ofensivo no segundo tempo, sem grande perigo. Aos 6 minutos Lúcio cruzou e Borges marcou. O atacante não balançava a rede desde setembro de 2010. O torcedor que foi ao estádio Olímpico ainda viu o zagueiro Rodolfo deixar o campo com um desconforto muscular na coxa e a estreia do garoto Leandro, meia-atacante de 17 anos. Foi ele que marcou o quinto gol: O garoto recebeu passe de Lúcio e bateu rasteiro para fechar o placar.

André Lima atuou com a camiseta 99, número que ele pretende adotar em quase todas as partidas. O atacante está se denominando "Guerreiro Imortal 99", adotando pra ele um apelido dado pela torcida ao time: Imortal tricolor.

No próximo fim de semana o Grêmio enfrenta o Cruzeiro de Porto Alegre no estádio Olímpico. A partida é válida pela semifinal do primeiro turno estadual. Antes disso, na terça-feira, a delegação embarca para a Colômbia onde enfrenta o Júnior de Barranquilla na quinta-feira, às 23 horas e 45 minutos, pela segunda rodada da Libertadores.

O Jogo:
Bastaram 50 segundos para Borges chutar de longe e obrigar o goleiro Bruno a trabalhar pela primeira vez. Com um minuto de jogo Douglas cobrou o escanteio e André Lima, de cabeça, abriu o marcador. Mal sabia o Ypiranga que ali as esperanças já haviam terminado.

O time de Renato seguiu pressionando e os gols foram saindo ao natural. Rochemback quase derrubou o travessão em um forte chute de longa distância. Aos 25 o Grêmio avançou pela direita, Gabriel deu um passe açucarado e André Lima fuzilou o goleiro: 2 a 0.

De bola parada saiu o terceiro. Rochemback cobrou falta e Douglas, de cabeça, decretou o 3 a 0. O Grêmio diminuiu um pouco o ritmo, administrou a primeira etapa, mas Victor não teve que fazer nenhuma defesa.

O zagueiro Rodolfo, com desconforto muscular na coxa, teve que deixar o campo logo no início da segunda parte. O departamento médico acredita que não se trata de nada grave. Aos 6 minutos Lúcio avançou pela esquerda e cruzou na cabeça de Borges que só teve o trabalho de jogar pra dentro do gol. André Lima quase ampliou aos 15. O goleiro Bruno evitou.

Aos 20 minutos um susto: O zagueiro Glauco havia sofrido uma pancada na cabeça um pouco antes e acabou caindo no gramado. O jogador não chegou a perder os sentidos, mas teve que sair de ambulância.

Aos 44 minutos nova arrancada de Lúcio. O lateral rolou a bola para o garoto Leandro. O jovem bateu forte, a bola pegou no travessão, bateu no goleiro, e foi para fora. Dois minutos depois a jogada se repetiu: Passe de Lúcio para Leandro e o garoto não desperdiçou: 5 a 0. Já com a cabeça na Colômbia o Grêmio levou a partida, não abdicou do jogo, conseguiu uma goleada e deixou boa impressão para a torcida.


FICHA TÉCNICA - GRÊMIO 4X0 YPIRANGA

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 20 de fevereiro de 2011, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Costa
Assistentes: Antônio Cesar Padilha e Rafael da Silva Alves
Renda: R$ 229.162,00
Público: 11.790 torcedores

Gols:
Grêmio: André Lima, a 1 minuto e aos 25 do primeiro tempo; Douglas, aos 32 minutos do primeiro tempo e Borges, aos 6 minutos do segundo tempo.
 

GRÊMIO: Victor; Gabriel, Paulão, Rodolfo (Mário Fernandes) e Gilson; Fábio Rochemback (Leandro), Adilson, Lúcio e Douglas (Willian Magrão); Borges e André Lima.
Técnico: Renato Gaúcho.

YPIRANGA: Bruno; Thiago Gasparino (Gilvan), Glauco (João Lima), Mateus e João Paulo; Emerson, Pansera, Saulo e Giovani; Cleiton e Elcimar (Silvestre).
Técnico: Agenor Piccinin. 

Gabriel Cardoso
Torcida levou a bandeira da República Democrática do Congo, país do Mazembe

 

Leia tudo sobre: GrêmioCampeonato Gaúcho 2011Ypiranga

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG