Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio esquece documentação e corta dois garotos do Gre-Nal

Ambos com 17 anos, Leandro e Jailton precisavam de autorização dos pais para viajar ao Uruguai

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Um descuido da direção do Grêmio fez com que a delegação que representará o clube no Gre-Nal tivesse dois desfalques de última hora. Menores de idade, Leandro e Jailton precisavam de autorização dos pais para viajar a Rivera, no Uruguai, onde o clássico, válido pela quinta rodada do Gauchão, será disputado às 19h30min deste domingo.

O problema é que, na hora do embarque, no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, na tarde deste sábado, a dupla não tinha em mãos o documento com a liberação da família. Por se tratar de uma viagem internacional, a Polícia Federal impediu que os garotos acompanhassem a delegação. O meia Leandro e o zagueiro Jailton têm 17 anos e ainda integram as categorias de base do clube.

“Não tem nada de descuido, não. Foi uma opção nossa. Iria demorar muito providenciar a documentação, então, liberamos os jogadores”, explicou o assessor de futebol José Simões.

Com a baixa, a delegação ficou com 18 jogadores. Era provável que, por serem muito jovens, Leandro e Jailton não ficassem nem no banco.

Leia tudo sobre: GrêmioGre-NalCampeonato Gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG