Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio derruba invencibilidade do Junior e segue na Libertadores

Lúcio e Borges marcaram os gols na vitória que classificou time gaúcho para as oitavas de final

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

O Grêmio atingiu os três objetivos propostos para a noite desta quinta-feira no Olímpico. Venceu o Junior, teve a melhor atuação do ano e classificou-se para as oitavas-de-final da Libertadores.

Com o 2 a 0, gols de Lúcio e Borges, o time de Renato Gaúcho tentará o milagre de ser o primeiro do Grupo 2. Precisa vencer o Oriente Petrolero, dia 14, na Bolívia, e torcer para o time colombiano perder em casa para o peruano León.

Antes, porém, volta suas atenções para o Gauchão. No domingo, o rival é o Santa Cruz.

O jogo
O Junior de Barranquilla mostrou porque era o time de melhor campanha e ter futuro promissor Libertadores. Apesar dos seis desfalques, três deles titulares, a equipe colombiana apresentou forte poder de marcação, qualidade no passe e velocidade ao atacar. Foi, de longe, o rival mais qualificado que enfrentou o Grêmio em 2011.

AFP
Rodolfo cumprimenta Lúcio, autor do primeiro gol do Grêmio na vitória desta quinta-feira
Por isto, a atuação gremista justificou-se como a melhor da temporada embora ainda longe do apresentado, por exemplo, em 2010. Erros de passes, insistência em atacar apenas pela esquerda (Adilson não conseguiu auxiliar Gabriel na direita) e dificuldade na marcação são problemas a serem corrigidos por Renato. Mas...

O Grêmio, enfim, conseguiu pressionar um adversário. Começou cedo. Com Douglas comandando as jogadas ofensivas, tinha dois escanteios antes dos cinco minutos. Lúcio, de falta, quase abriu o placar aos seis.

Então, o Junior ameaçou. Rafael Marques foi traído pelo quique da bola, Bacca avançou livre,m driblou Victor e só não marcou pois Rodolfo fez excelente desarme. O Grêmio continuou melhor. Atacando pelos lados, pelo meio e pelo alto. Fábio Rochemback e Borges quase transformaram a superioridade em gol. Coube a Lúcio fazê-lo, o seu primeiro do ano.

Borges cruzou, aos 33, a bola desviou na zaga e sobrou para o lateral-esquerdo convertido em meia desviar do goleiro: 1 a 0. O empata quase aconteceu no fim do primeiro tempo, quando Hernández lançou Bacca. O atacante, pela segunda vez, driblou Victor e perdeu o gol. Bruno Collaço afastou em cima da linha.

O segundo tempo repetiu o primeiro. Grêmio melhor, mas os colombianos lutando pelo empate. A sorte, então, brilhou para o time de Renato. Aos 15 minutos, Douglas cobrou escanteio, a bola cruzou a pequena área e Borges completou pra o gol: 2 a 0.

Aos 21, o Junior pareceu se entregar na partida. Romero derrubou Borges e, como já tinha cartão amarelo, foi expulso. Nada disso. Sete minutos depois, Victor fez grande defesa em chute de Garcia. Foi o primeiro chute a gol da equipe colombiana no segundo tempo. Aos 30, Hernández tentou de bicicleta, mas Victor defendeu de novo.

O Grêmio passou a administrar a vantagem e manteve a vitória por 2 a 0. O Junior não tem mais 100% de aproveitamento na Libertadores.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 X 0 JUNIOR-COL

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 7 de abril de 2011, quinta-feira
Horário: 19h15min (de Brasília)
Árbitro: Héctor Baldassi (Argentina)
Auxiliares: Ricardo Casas e Diego Bonfa (Argentina)
Cartões amarelos: Fábio Rochemback, Borges, Adilson e Rodolfo (Grêmio) e Otálvaro, Barahona, Macías e Barahona (Junior)
Cartão vermelho: Romero (Junior)
Público: 31836 (28.798 pagantes)
Renda: R$ 705.906,50

Gols:
Grêmio: Lúcio, aos 33 minutos do primeiro tempo. Borges, aos 15 minutos, do segundo tempo

GRÊMIO: Victor; Gabriel, Rafael Marques, Rodolfo e Bruno Collaço; Fábio Rochemback (Vinícius Pacheco), Adilson, Lúcio e Douglas; Escudero (Diego Clementino) e Borges. Técnico: Renato Gaúcho.

JUNIOR: Viera; Otálvaro, De Almeida, Macías (Amaya) e Fawcett; Romero, Garcia, Valencia, Barahona e Hernández (Cortez); Bacca (Caneda).Técnico: Héctor Quintabani.

Leia tudo sobre: grêmiocopa libertadores 2011colômbia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG