Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio aposta na juventude além da conta na Copa São Paulo

Apesar do limite de 18 anos, equipe gaúcha será representada por jogadores na maioria entre 16 e 17 anos

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Divulgação
Técnico Cristian de Souza tenta aliar toque de bola ao estilo tradicional de força do Grêmio
É com um time jovem além da conta, porém vencedor, que o Grêmio tentará quebrar o tabu de nunca ter sido campeão da Copa São Paulo de Futebol Junior. Em processo de reformulação após a troca de diretoria, a base do clube gaúcho estará representada na sua maioria pelas categorias infantil e juvenil, ou seja, dois ou um ano a menos, respectivamente, do limite de 18 anos estabelecido no torneio.
 
A decisão não desanima o técnico Cristian de Souza, 33 anos, desde novembro responsável pelos juniores. Com o título estadual da Copa FGF (Sub-17), o nacional da SC Cup (Sub-16) e o vice da Copa Espírito Santo (Sub-17), todos conquistados em 2010, ele acredita nos garotos para superar as dificuldades do Grupo A, com Marília-SP (rival de 6 de janeiro), Santa Maria-DF (9 de janeiro) e Lemense-SP (12 de janeiro).
 
"Um ano faz muita diferença na base. A formação de jogadores é o pescoço bonito, mas o que conta mesmo é o resultado. O Grêmio é grande e sempre quer chegar. Lutaremos para isso", analisou Cristian.
 
As atividades, no Centro de Treinamento de Eldorado do Sul, começaram em dezembro e contaram com um amistoso contra o Juventude na quinta-feira, dia 23, empate em 1 a 1, até a folga de Natal. Este modelo foi repetido na semana do Reveillon.
 
Geralmente, Cristian joga no sistema tradicional 4-4-2. Por vezes, fecha a equipe a deixando com apenas um atacante. A formação dele como treinador ocorreu no Esportivo, de Bento Gonçalves, e no Pelotas, equipes do interior gaúcho, sempre sendo auxiliar de Bento Almeida, atual comandante do Juventude. É da escola do toque de bola, mas sabe que a história do Grêmio é de times fortes fisicamente e, portanto, tenta aliar os dois perfis.
 
Divulgação
Meia Leandro é um dos destaques do Grêmio para a Copa São Paulo
"Quem vem do interior precisa do carimbo de um clube grande. Na base há diferenças. É preciso ser psicólogo, afinal, os guris sofrem a mesma pressão dos profissionais", analisou o treinador.
 
O destaque da equipe é o meia Leandro, 17 anos, contratado do Gama-DF no começo da temporada. Foi ele, aliás, quem marcou o gol no empate com o Juventude. Cristian explicou o motivo: "Na base, quase todos querem aparecer com a bola. Leandro é moderno, entende a tática e joga para o time".
 
O outro meia Mateus Carioca e os volantes Rodrigo e Misael também se destacam em um time que para atingir o objetivo terá de surpreender. Até ele próprio.

Leia tudo sobre: grêmiofutebolcopa sp

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG