Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio aposta em medalhões para substituir “atletas olímpicos”

Mário, Fernando, Saimon e possível reforço Giuliano têm idade para defender a seleção

Hector Werlang, enviado iG a Bento Gonçalves |

Gazeta Press
Saimon tem idade olímpica e pode ser chamado para a seleção brasileira
O Grêmio planejou a temporada com um paradigma claro: renovar um time que fracassou em todas as competições de 2011. Jogadores experientes como Rafael Marques, Lúcio e André Lima, então, foram liberados pela direção. A lista de medalhões fora dos planos só não aumentou pois há o entendimento de que eles serão os substitutos dos “atletas olímpicos”.

Mercado da Bola: fique por dentro das últimas negociações do futebol brasileiro

Em ano de competição em Londres, o Grêmio acredita que pode ceder até quatro jogadores para a seleção. Seja em período de treinos ou na própria disputa do campeonato. Mário, 21 anos, Fernando, 19, Saimon, 20, e até o possível reforço Giuliano, 21, estão no limite de idade (23 anos) para participarem da Olímpiada.

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

Alia-se a isto à presença de Fernando na campanha do título mundial da seleção sub-20. Saimon esteve na conquista do sul-americano da mesma categoria. Mário e Giuliano apostam em temporada de boas atuações para voltarem à seleção. O que pesa contra o lateral-direito é o fato dele ter se recusado a defender o Brasil em amistoso contra a Argentina.

Foi o suficiente para apostar em Gabriel, Fábio Rochemback, Vilson e Marquinhos. Deste quarteto, Rochemback e Marquinhos terminaram o ano como titulares. Os outros dois perderam espaço. Podem recuperá-lo caso os guris sejam chamados par a seleção...

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

Leia tudo sobre: grêmiomáriosaimonfernandogiulianoolímpiadas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG