Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Grêmio admite risco de queda após oito rodadas perto do Z4

Time gaúcho enfrenta Atlético-PR, domingo, e tem um ponto de vantagem sobre zona do rebaixamento

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Depois de um turno inteiro próximo da zona do rebaixamento, o Grêmio projetou vida nova na segunda metade do Brasileirão. Tudo começou com a vitória no Gre-Nal, na última partida da primeira fase, porém, a derrota para o Corinthians, aliada a resultados paralelos, deixou o time gaúcho apenas um ponto distante do grupo dos quatro últimos. Rotina em oito das 19 rodadas que disputou.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

O medo de cair para a segunda divisão, então, está rondando o Olímpico. Ninguém chega a usar esta palavra, porém, as declarações revelam a pressão vivida pelos jogadores às vésperas de enfrentar o Atlético-PR, domingo, em Porto Alegre.

"Sabemos do risco que corremos, mas eu confio muito na equipe e no treinador. Vamos dar a nossa vida nos jogos. Passei por isso em 2009, com o Botafogo, quando escapamos na última rodada. É horrível", comentou o centroavante André Lima

Este, então, é o desafio de Celso Roth, o terceiro treinador do Grêmio no ano. A melhor colocação do time no campeonato foi na terceira rodada, ainda com Renato Gaúcho, o 5º lugar. Mário entende ser possível melhorar:

"Temos condições e estamos trabalhando. Acho que falta um pouco de sorte também. Com uma sequência de vitórias... subiremos na tabela".

Atualmente, o time gaúcho é o 15º. Roth encaminha a equipe no treino desta sexta-feira. Há ainda um trabalho marcado para sábado.

Leia tudo sobre: grêmiobrasileirão 2011rebaixamento

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG