Aos 41 anos, alemão irá retornar à equipe na qual é idolatrado pela torcida, mas inicialmente será reserva

O técnico Arsène Wenger confirmou nesta quinta-feira que o ex-goleiro alemão Jens Lehmann, de 41 anos, deixará sua aposentadoria para ser reintegrado ao Arsenal , em um contrato até o fim desta temporada.

Lehmann já está treinando com a equipe e chega para resolver o problema de goleiros vivido pelo clube inglês. Três dos quatro disponíveis no elenco - Wojciech Szczesny , Lukasz Fabianski e Vito Mannone - estão lesionados. O único jogador para a posição é o espanhol Manuel Almunia , que deve ser o titular.

"Nós não temos uma opção de reposição (para reserva de Almunia) na Premier League ( Campenato Inglês ), então é por causa disso que resolvi trazer Jens de volta", justificou Wenger, que depois revelou que Lehmann ainda não assinou contrato, mas assegurou que ele firmará um acordo com o Arsenal.

Lehmann se despede da torcida do Arsenal, em 4 de maio de 2008. Quase 3 anos depois, ele está de volta
Getty Images
Lehmann se despede da torcida do Arsenal, em 4 de maio de 2008. Quase 3 anos depois, ele está de volta
O ex-goleiro da seleção alemã deixou o Arsenal em 2008, quando se transferiu para o Stuttgart, após cinco anos na equipe inglesa. Além desses times, ele atuou no Schalke 04 , no Milan e no Borussia Dortmund ao longo de sua carreira.

Lehmann foi o goleiro titular da seleção alemã na Copa do Mundo de 2006, disputada na Alemanha, na qual o seu país terminou a competição na terceira colocação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.