Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Goleiro do Guarani registra BO após ter carro apedrejado

Na terça-feira, torcedores arremessaram pedras contra o Estádio Brinco de Ouro e atingiram o veículo de Emerson

Agência Estado |

O goleiro Emerson, do Guarani, registrou um Boletim de Ocorrência nesta quarta-feira, em Campinas. Tudo por conta da confusão que marcou a terça-feira, quando torcedores arremessaram pedras contra o Estádio Brinco de Ouro. O carro do jogador, que estava no estacionamento, foi atingido.

Os responsáveis pelo ato de vandalismo ainda não foram identificados, mas causaram muitos danos ao clube. Além do carro de Emerson, muitos vidros do local foram quebrados. Um dos seguranças do clube sofreu um corte na cabeça por uma pedrada. E a esposa do goleiro, grávida, quase foi atingida.

O ataque dos torcedores ao estádio acontece em meio a uma crise vivida pelo time no Brasileirão. De volta à Série A neste ano, o Guarani corre o risco de ser rebaixado novamente. O empate com o Vitória por 1 a 1, no domingo, aumentou a tensão entre a diretoria e a torcida, que culpa o atual presidente Leonel Martins de Oliveira pelo momento ruim do time.

Em meio a este clima pesado, o técnico Vágner Mancini tenta encontrar a melhor formação para o jogo contra o Flamengo, sábado, no Engenhão. Nesta semana, o treinador promoveu mais um jogador da base: o meia-atacante Pablo, de 17 anos. Na semana passada, o meia Léo Citadini e o atacante Douglas, que disputou a última partida, já haviam iniciado as atividades com o time principal. O técnico terá o reforço do volante Baiano, que estava suspenso.

Há dez rodadas sem vencer, o Guarani ocupa a 18.ª colocação da tabela, com 37 pontos, dentro da zona de rebaixamento. Depois de enfrentar o Flamengo, o time campineiro terá pela frente o Grêmio, em casa, e o Fluminense, candidato ao título, no Rio de Janeiro.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiroguarani

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG