Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Goleiro do Bahia acredita que arbitragem interferiu no resultado

Após derrota contra o São Paulo, Marcelo Lomba chiou contra o árbitro gaúcho Marcio Chagas da Silva

Gazeta |

O goleiro Marcelo Lomba deixou o gramado do Morumbi reconhecendo a superioridade do São Paulo em relação ao Bahia, mas insatisfeito com o placar largo construído pelos paulistas nesta quinta-feira: 3 a 0. A arbitragem do gaúcho Marcio Chagas da Silva foi alvo de críticas.

"O São Paulo foi superior, mas não sei se mereceu os 3 a 0. Temos que assumir que não estivemos em um dos melhores dias, mas o árbitro foi mal e acabou influenciando no resultado do jogo no primeiro tempo", lamentou Lomba, que reclamou especificamente de dois lances.

"A arbitragem foi péssima. Ele deu um pênalti para o São Paulo que talvez não daria se fosse do outro lado. Depois teve uma jogada de bola na mão, que seria pênalti para nós, e ele não marcou nada. Agora vamos trabalhar para vencer o próximo jogo", acrescentou.

No pênalti marcado para o São Paulo a bola bateu na mão de Titi, que estava na barreira nordestina, após cobrança de falta de Rogério Ceni. O próprio arqueiro são-paulino fez a cobrança, acertou o ângulo de Lomba e abriu o marcador a favor dos mandantes.

Pouco depois, Rodrigo Caio tentou afastar cruzamento vindo da esquerda, se atrapalhou e acabou tocando com a mão na bola dentro da área. A arbitragem desta vez ignorou o lance. 

Leia tudo sobre: São PauloBahiabrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG