Tamanho do texto

De volta após empréstimo para a Portuguesa, prata-da-casa diz que chega para ser titular

O ataque do Palmeiras acaba de se reforçar com o argentino Hernán Barcos, esperança para resolver a seca de gols que o time vive há tempos. No entanto, a defesa também ganhou novos atletas, e segue como grande destaque do time. Essa é a opinião do goleiro Bruno, de volta ao Palmeiras após empréstimo para a Portuguesa no segundo semestre de 2011. De acordo com o prata-da-casa, o entrosamento da zaga será o diferencial do clube no Paulistão .

Leia também: Palmeiras se agarra ao Paulistão para apagar vexames de 2011

“Nossa zaga é muito boa. O Henrique é jogador de nível Barcelona, já jogou aqui e foi campeão pelo Palmeiras, sabe o que é estar no topo da tabela, tem uma qualidade indiscutível. O Leandro Amaro já está aqui faz tempo, assim como o Maurício Ramos, e ainda temos o Thiago Heleno para voltar. Por todos se conhecerem bem, temos como principal ponto o entrosamento: a dupla que entrar jogando vai dar conta do recado”, afirmou o goleiro.

Leia também: Estaduais têm contraste entre times "carentes" e desinteressados

Bruno também aproveitou para elogiar o recém-contratado Román, um dos destaques do treino da última sexta: “Ele vai se enquadrar muito bem nesse grupo. É uma pessoa muito do bem, além de um ótimo zagueiro”, disse. O paraguaio, com passagens pelo Libertad-PAR e River Plate-ARG mostrou muita disposição no coletivo e fez desarmes preciso, além de corrigir o posicionamento dos colegas o tempo todo. Também demonstrou qualidade na saída de bola.

Mesmo com boa fase de Deola, Bruno se vê com chances de substituir Marcos
iG/Francisco de Laurentiis
Mesmo com boa fase de Deola, Bruno se vê com chances de substituir Marcos
Titular devido à suspensão do companheiro Deola, Bruno quer aproveitar a chance para se firmar no gol palmeirense pela primeira vez em seus 15 anos de clube. Apesar de ter feito apenas 31 jogos com a camisa do clube, ele considera que sua experiência será um diferencial. “Com a aposentadoria do Marcos, voltei para ser titular. Minha meta eu tracei, que era voltar, jogar, ser titular e ter uma história tão brilhante como a do Marcos, Sérgio, Veloso. Tenho experiência, pois já joguei Brasileiro, Libertadores, Sulamericana...”, afirmou.

Bruno e seus companheiros treinam pela última vez antes da estreia do Paulistão neste sábado, às 9h (horário de Brasília). No domingo, às 17h (horário de Brasília), o clube do Palestra Itália visita o Bragantino no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.