Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Golaços do Santos tiram crédito e liderança do Botafogo

Neymar e Borges brilharam no primeiro tempo, e Santos vence os cariocas por 2 a 0, na Vila Belmiro

Samir Carvalho, iG Santos |

null

Neymar e Borges. Cada um ao seu estilo marcou um golaço na vitória do Santos diante do Botafogo por 2 a 0 nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, em jogo adiado da 21ª primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Os dois gols tiram o crédito que os cariocas tinham na tabela de classificação para superar o Corinthians e alcançar pela primeira vez a liderança da competição.

Veja como ficou a tabela do Campeonato Brasileiro

O gol de Neymar aconteceu em jogada individual. Cercado por três marcados, Neymar invadiu a área, deixou o volante Bruno no chão após um drible desconcertante e finalizou com categoria no canto esquerdo de Jéferson. Já Borges, em jogada características, girou contra o defensor de fora da área e chutou de primeira, também acertando o canto esquerdo do goleiro.

Com a derrota, o Botafogo continua na terceira colocação, com 52 pontos, dois a menos que Corinthians e Vasco, líder e vice-líder do Brasileiro, respectivamente.

Após derrotar o Botafogo, o Santos enfrentará outra equipe carioca na próxima rodada. Os santistas jogam contra o Flamengo, no domingo, às 18h (de Brasília), no Engenhão. Já o Botafogo terá pela frente o Avaí, também no domingo, em Florianópolis. Os dois jogos válidos pela 31ª rodada do Brasileiro.

AE
Neymar homenageou o filho recém-nascido na comemoração do seu golaço

O jogo
A partida começou bastante movimentada, com amplo domínio do Santos na partida. Aos sete minutos, o time quase abriu o marcador. Adriano fez boa jogada na entrada da área e tocou para Borges, que driblou o marcador e chutou de perna direita para boa defesa de Jéferson.

Cinco minutos depois, o volante Henrique avançou e chutou da intermediaria, obrigando o goleiro a fazer uma boa defesa. O Santos dominava a partida e não demorou em abrir o marcador.

Aos 15 minutos, Neymar fez uma linda jogada individual, deixou o zagueiro no chão após um drible, e finalizou com categoria no canto esquerdo de Jéferson para fazer 1 a 0. A equipe santista continuava pressionando e ampliou o marcador aos 28 minutos. Borges recebeu na entrada da área, girou contra o marcador e chutou forte, a bola entrou no canto esquerdo de Jéferson.

O Botafogo só assustou o goleiro Rafael aos 36 minutos. Marcelo Mattos arriscou um chute forte de fora da área, e o goleiro santista espalmou evitando o gol. O Santos terminou o primeiro tempo sem o atacante Borges. O camisa 9 sentiu dores musculares e foi substituído por Rentería.

Com 2 a 0 no placar, o Santos diminuiu o ritmo na segunda etapa. Entretanto, continuou dominando a partida. Aos oito minutos, Arouca avançou pela direita e cruzou na área, Alan Kardec desviou de cabeça e Jéferson fez uma grande defesa. Aos 14 minutos, Rentería tocou pata Neymar, que entrou na área e finalizou na saída do goleiro, a bola passou muito perto do gol.

Precisando empatar, o Botafogo ameaçou reagir. Felipe Menezes chuta da entrada da área e Rafael faz uma linda defesa. Dez minutos depois, após cruzamento, Fábio Ferreira desviou de cabeça dentro da área e obrigou o goleiro salvou mais uma vez. No entanto, os cariocas não conseguiram empatar e o Santos venceu por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA – SANTOS 2 X 0 BOTAFOGO

Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 19 de outubro de 2011, quarta-feira
Horário: 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Altemir Hausmann (Fifa-RS)
Renda: R$ 137.250
Público: 5770 pagantes
Cartões amarelos: Adriano, Danilo, Borges (Santos); Bruno Tiago, Alessandro e Caio (Botafogo)

Gols:
SANTOS: Neymar, aos 15 e Borges, aos 28 minutos do primeiro tempo

SANTOS: Rafael; Danilo, Edu Dracena, Bruno Rodrigo e Durval; Adriano (Ibson), Henrique e Arouca; Alan Kardec, Borges (Renteria) e Neymar.
Técnico: Tatá (interino)

BOTAFOGO: Jefferson, Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos (Caio), Bruno Tiago (Léo), Elkeson (Herrera), Maicosuel e Felipe Menezes; Loco Abreu
Técnico: Caio Junior

Leia tudo sobre: santosbotafogobrasileiro 2011neymarborges

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG