Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Goiás substitui Jorginho por Artur Neto

Penúltima colocada no Campeonato Brasileiro, equipe está seriamente ameaçada pelo rebaixamento para a Série B

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861564842&_c_=MiGComponente_C

O Goiás demitiu o técnico Jorginho e confirmou Artur Neto no comando do clube para as rodadas finais do Campeonato Brasileiro. A informação é do site do jornal O Popular, de Goiânia. O auxiliar-técnico de Dunga na seleção brasileira entre 2006 e a Copa do Mundo de 2010 caiu depois de pouco mais de dois meses como treinador do time goiano.

Quando chegou ao Goiás para substituir Emerson Leão, demitido no final de agosto, Jorginho afirmou que a experiência adquirida na África do Sul o ajudaria a fazer bom trabalho no novo clube. Se não conseguiu a reação no Brasileirão, o técnico levou o clube às quartas de final da Copa Sul-Americana -a decisão da vaga nas semifinais, contra o Avaí, acontece na quinta-feira, em Florianópolis.

Porém, depois da derrota para o virtualmente rebaixado Grêmio Prudente no domingo, por 4 a 1, Jorginho chegou a dizer que só um milagre salvaria o Goiás do rebaixamento para a Série B.
Atualmente, a equipe é a penúltima colocada do Brasileiro, com 31 pontos ganhos, cinco a menos que o Atlético Mineiro, 16º e primeiro time fora da zona de degola. 

Por sua vez, o escolhido Artur Neto já trabalhou no clube esmeraldino, mas exercendo a função de diretor de futebol, em 1998. Ele assinou contrato até o fim do ano que vem e precisará ter desempenho quase perfeito nos últimos quatro compromissos, com doze pontos em jogo: contra Fluminense (fora), Santos (em casa), Atlético-MG (fora) e Corinthians (em casa). Neto já treinou outros clubes goianos como Vila Nova, Atlético-GO e Itumbiara.

*com Gazeta Esportiva

    Leia tudo sobre: campeonato brasileirogoiástreinadores

    Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG