Seu substituto no Novo Hamburgo será Julinho Camargo, ex-técnico da base do Grêmio e do Caxias

Dois jogos com atuações fracas foram suficientes para a primeira demissão de técnico no Campeonato Gaúcho. A derrota em casa por 2 a 1 para o Veranópolis culminou com a saída de Gilmar Iser do comando do Novo Hamburgo. Seu substituto será Julinho Camargo, ex-técnico da base do Grêmio e que esteve dirigindo o Caxias no ano passado.

A direção do Novo Hamburgo investiu bastante para a temporada, contratando jogadores com passagens vitoriosas em Inter e Grêmio. Com um elenco caro para os patamares do Interior Gaúcho, o clube almeja o título estadual.

Após uma pré-temporada abaixo das expectativas, em termos de resultados, nem mesmo a vitória na estréia sobre o Porto Alegre por 1 a 0 foi suficiente para segurar Iser, que estava em sua quinta passagem pelo Noia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.