Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Gilberto revê decisão de parar e segue como jogador do Cruzeiro

Meia pediu para não enfrentar o Fluminense por questões psicológicas, mas segue carreira

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O meia Gilberto não irá se aposentar agora. A decisão foi anunciada pela diretoria do Cruzeiro na tarde dessa segunda-feira depois de uma reunião com o jogador, que pediu para não jogar a partida contra o Fluminense, na próxima quarta-feira, por questões psicológicas. O jogador segue como atleta do clube mineiro e cumpre seu contrato até o final do ano, quando seu futuro será definido.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Depois da partida contra o Palmeiras, no Pacaembu, Gilberto reclamou muito da atuação do árbitro Leandro Vuaden e anunciou que se aposentaria por se sentir perseguido pelos juízes. Já nos acréscimos, o jogador cometeu pênalti em João Vítor, que acabou defendido pelo goleiro Rafael.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e convide os seus amigos

Nessa segunda-feira, o gerente de futebol do Cruzeiro, Valdir Barbosa, afirmou que o jogador deu a declaração sobre a aposentadoria de cabeça quente e que a intenção do atleta é continuar como jogador do Cruzeiro.

"O Gilberto teve uma conversa com a diretoria hoje, com o Dimas Fonseca (diretor de futebol), e explicou a situação, momento que ele passou quando aconteceu aquele pênalti em um lance decisivo da partida. A raiva que ele sofreu e a entrevista que ele deu. E ele acha que tenha sido precipitado um pouco, estava com a cabeça quente. E vai continuar jogando pelo Cruzeiro, tem contrato com o clube e vai cumpri-lo", afirmou Valdir Barbosa.

O cartola cruzeirense revelou que o jogador pediu para não enfrentar o Fluminense por conta do desgaste psicológico da situação."Ele apenas pediu para que não jogasse a partida de quarta-feira por questões psicológicas, já que essa situação foi muito desgastante para ele. Foi atendido pela diretoria e já estará em São Paulo com a gente no jogo contra o Santos", afirmou Valdir Barbosa, que não acredita que o jogador esteja desmotivado.

"Não vejo desmotivação. Quando o Gilberto está em campo, é um dos jogadores que mais se entrega. Nos testes físicos, na análise do GPS (monitora a distância percorrida pelos jogadores), ele é um dos primeiros. Ele tem um peso muito grande para o time em jogos importantes", revelou.

Gilberto tem contrato com o Cruzeiro até o final de 2012. Mas o presidente Zezé Perrella já afirmou que, ao final do ano, pode liberar o atleta para outra equipe.null

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011Gilberto

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG