Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Geninho lamenta gol no início em derrota que eliminou Sport

Time pernambucano disputou confronto direto por vaga no G4 contra o América-MG na Ilha do Retiro, mas foi derrotado

Gazeta Esportiva |

O técnico Geninho lamentou a desatenção do Sport no início de jogo contra o América-MG, neste sábado. A equipe recifense, que acabou derrotada por 2 a 1, levou o primeiro gol aos seis minutos de partida e em seguida ainda teve o volante Germano expulso por agressão a Dudu.

"Correr atrás de 1 a 0 com menos de dez minutos do primeiro é complicado. Houve o choque psicológico, o time demorou a encaixar, não conseguimos render", analisou o treinador da equipe pernambucana. Com a derrota para o América-MG, o Sport ficou sem chances de conquistar o acesso á Série A do Campeonato Brasileiro.

"No segundo tempo foi tudo ou nada, foi diferente, era preciso arriscar. O América-MG teve chances para aumentar o placar, mas o Sport mostrou raça e hombridade para tentar empatar. Mandamos bola na trave, o goleiro fez defesas maravilhosas. Pelo menos o time sai de campo sabendo que tentou", complementou Geninho.

O técnico do Sport exaltou ainda a melhora de rendimento da equipe ao longo da competição. Quando Geninho chegou ao clube, na 13ª rodada do torneio, o time ocupava a 16ª colocação da tabela, na zona de rebaixamento para a Série C. Faltando apenas um jogo para o término da Série B, o clube pernambucano aparece na sexta posição.

"O Sport fez um péssimo início de campeonato, com apenas um pontos em 15 possíveis. Quando cheguei, o Sport era o primeiro time da zona de rebaixamento, e brigamos até agora pelo acesso. Na reta final, tivemos tropeços que pesaram, como contra o Ipatinga e Santo André, em casa, e São Caetano e Vila Nova, fora", complementou.

Leia tudo sobre: sportsérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG