Tamanho do texto

Sede do Flamengo deve receber 20 mil torcedores, como nos dias em que sediava jogos da equipe, anos atrás

A sede do Flamengo, na Gávea, revive nesta quarta-feira os tempos em que ainda recebia jogos da equipe. O local está lotado de torcedores para receber Ronaldinho Gaúcho , que será apresentado oficialmente durante evento que começou por volta de 16h.

O gramado já está cheio de torcedores, e a expectativa é de que 20 mil pessoas compareçam ao evento - tamanha ansiedade e aglomeração fizeram com que um dos portões da sede rubro-negra fosse derrubado . As ruas ao redor do clube, onde só os flamenguistas têm espaço, estão enfeitadas de vermelho e preto.

O palco está localizado na arquibancada. Antes de Ronaldinho chegar, vários personagens subiram até ele para agitar os torcedores: o grupo de pagode Revelação, os cantores Diogo Nogueira e Dudu Nobre, a bateria da escola de samba Estação Primeira de Mangueira, as dançarinas de funk do grupo Jaula das Gostosudas e o ator Heitor Martinez comandam a festa.

O departamento de marketing do Flamengo organizou a distribuição de 500 máscaras com o rosto de Ronaldinho Gaúcho para presentear os torcedores. É obrigatório o uso da camisa rubro-negra para entrar na Gávea.

Mateus Couto, flamenguista de 15 anos de idade, chegou devidamente uniformizado e é um dos muitos torcedores no gramado. A camisa do Flamengo foi presente de Natal, enquanto o número 10 e o nome de Ronaldinho custaram R$ 30 adicionais.

Otimista, Mateus prevê o sucesso do ídolo no Flamengo. “Acho que ele vai trazer muita alegria. Ele não estava bem no Milan, mas lá fora o ritmo é mais forte. Aqui ele estará mais feliz para voltar a ser aquele jogador que foi melhor do mundo”, afirmou o fã, que mandou um recado ao Grêmio, derrotado na disputa pelo astro. “Quem ri por último ri do Grêmio”.

Multidão flamenguista toma conta do gramado
Vicente Seda
Multidão flamenguista toma conta do gramado

Ex-jogador do clube, Júlio César "Uri Geller" compareceu à Gávea e não economizou nas palavras para dizer o que Gaúcho representa no futebol. "É uma festa para um ET. Existiram poucos ETs e ele é um deles, hoje é o único no mundo. Messi é ultra-jogador, mas ET só o Ronaldinho. O Flamengo merece, ele merece, será maravilhoso. A festa está bonita. O clube precisava de um ídolo depois que o Adriano foi embora e o Pet agora está parando".